A novela Ademir ainda não teve um desfecho. Na mira de alguns clubes do futebol brasileiro, e o Palmeiras cada vez mais perto de fechar um acordo para ter o avante, o jogador segue treinando com o elenco alviverde, como enfatizou Euler Araújo, membro do Conselho de Administração do América. Mas o dirigente ressaltou que o Coelho vai colocar uma data-limite para essas conversas de bastidores.

“Existem negociações em andamento, a gente não nega, mas não existe prazo definido para isso. O Ademir é jogador do América, tem contrato até o fim do ano e está treinando. Quando tivermos uma definição, vai ser vendido ou estar à disposição do elenco. A gente não quer prolongar muito, queremos dar um tempo-limite, que não foi estabelecido em termos de dia”, afirmou.

“Se as partes acharem que é justa a negociação... Senão, já vai estar à disposição do Lisca para contribuir neste projeto do América de 2021”, completou.

Ademir foi pivô de uma polêmica no dia 18 de março, ao se negar a participar do jogo contra o Treze (PB), no estádio Amigão, pela primeira fase da Copa do Brasil. Se entrasse em campo, não poderia atuar por outra equipe na competição, segundo o regulamento. 

América

Atacante Ademir é alvo de vários clubes do futebol brasileiro