Guga ou Mariano? Uma briga parelha e sem favorito. É desta forma que o técnico Cuca enxerga a disputa na lateral direita do Atlético. Nessa terça-feira (4), nos 4 a 0 para cima do Cerro Porteño, o escolhido foi o camisa 2, mas isso não significa que a vaga de titular já tenha dono. 

“Ontem (segunda-feira) chamei os dois e expliquei a importância que eles têm e a necessidade que tenho de contar com ambos. Não vejo muita diferença neles, são dois grandes jogadores e grandes pessoas, e vamos utilizando-os da forma que entendermos ser a mais certa”, declarou o comandante.

Em seguida, elogiou o desempenho positivo de Guga diante do time paraguaio. “Fez um grande jogo, tanto defensiva quanto ofensivamente. Ele encorpa bem a parte tática. Assim como o Mariano. Hoje foi a vez do Guga, e a gente está muito satisfeito com ele”, disse.

Na Libertadores, Guga foi titular na estreia do Atlético, no empate em 1 a 1 com o La Guaira, na Venezuela. Na rodada seguinte, foi a vez de Mariano começar jogando, no triunfo por 2 a 1 em cima do América de Cali, no Gigante da Pampulha. Nessa terça, a vaga retornou para o camisa 2.

O Galo encara o América de Cali no dia 13, às 21h, na busca por sua primeira vitória fora de casa na Libertadores. Antes disso, volta suas atenções para o confronto de volta das semifinais do Campeonato Mineiro, contra o Tombense, no sábado (8), às 16h30, no Mineirão.