Após a eliminação na Copa do Brasil diante do Santos, nesta quarta-feira (26), os jogadores do Corinthians tentaram evitar demonstrar desânimo e confiam no título do Campeonato Brasileiro, competição que a equipe lidera com quatro pontos de vantagem sobre o segundo colocado, o Atlético (43 a 39).

"Agora é pensar no Brasileiro. Claro que a gente queria ficar na Copa do Brasil, mas agora vamos aproveitar para descansar e seguir forte no Brasileiro", afirmou o meia Renato Augusto.

Com a derrota por 2 a 1 desta quarta-feira, o Corinthians pôs fim a uma série de oito vitórias em casa. Para o zagueiro Gil, apesar do tropeço no Itaquerão, o time não pode se abater para a sequência da temporada.

"É continuar trabalhando. Hoje (quarta), começamos bem, pressionando, mas acabamos tomando um gol. Agora, é levantar a cabeça", afirmou o zagueiro.

O Corinthians volta a campo no domingo, quando enfrenta a Chapecoense, em Santa Catarina. Suspenso, o volante Bruno Henrique está fora do jogo. O meia Jadson, que não jogou nesta quarta-feira por causa de um edema na coxa direita, deve retornar à equipe.