matheus pereira, cruzeiro

 

Matheus Pereira, de quinta opção e quase descartado pelo departamento de futebol do Cruzeiro, passou a ser o titular da lateral-esquerda da Raposa em um momento difícil do clube na temporada.

Mesmo com bastante pressão, o ala, que completou seu quarto jogo no 11 inicial celeste na derrota por 3 a 1 para o CSA, marcou o seu primeiro gol com a camisa azul.

Pereira após o revés da Raposa em Maceió, na 10ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série B, se dividiu entre a alegria pelo gol marcado e a tristeza pela derrota.

“Fico feliz pela minha atuação, obviamente queríamos a vitória, que infelizmente não veio. Feliz pelo meu gol, mas triste pela derrota”, disse o jogador à TV Cruzeiro logo após o fim da partida.

Elogiado por Ney Franco, Matheus Pereira ostentou bons números na partida contra o CSA. O lateral atingiu mais de 80% de aproveitamento nos passes (de 86 cruzamentos ele acertou 71), e ainda cruzou oito bolas na área do CSA.

“Tivemos destaques individuais, entre eles o Matheus Pereira, que além do gol fez uma partida muito boa”, destacou o técnico Ney Franco.

Apesar dos elogios do treinador o jovem lateral reconheceu que o Cruzeiro ficou devendo um futebol melhor contra os alagoanos.

“Perdemos muitas chances, tomamos dois gols de bola parada, agora é concentrar para os dois jogos em casa e fazer seis pontos”, disse se referindo aos jogos contra Avaí e Ponte Preta, ambos no Mineirão.

Contrato renovado

Por pouco Matheus Pereira não se tornou carta fora do baralho na Toca II. O jogador quase se transferiu para o futebol português pela falta de oportunidade no Cruzeiro.

Porém, a escassez de qualidade na lateral-esquerda com João Lucas, Patrick Brey e Giovanni, que estavam à disposição, mas já foram colocados em lista de negociações, abriu brecha para que o jogador ganhasse uma chance.

Como foi bem, Pereira teve o seu contrato renovado na última semana. De um vínculo que venceria em junho de 2021, agora o enlace entre Cruzeiro e o lateral é válido até junho de 2023.