América e Atlético fizeram um grande clássico no Independência, na tarde deste domingo (13). Após 90 minutos e diversas chances para ambos os lados, o empate fez jus a partida, mas o placar de 1 a 1, deixou a desejar. Victor Rangel abriu o placar para o América, aos 33 minutos do primeiro tempo, enquanto Clayton, aos 14 minutos do segundo tempo, empatou para o Atlético.

Desde o primeiro minuto ficou claro na aposta do América para sair de campo com os três pontos, chamar o Atlético para o campo de ataque e sair em rápidos contra-ataques. A tática funcionou durante todo o primeiro tempo. Só que no intervalo, Diego Aguirre arrumou o esquema do Atlético e equilibrou a partida. Tanto que exigiu diversa defesas de João Ricardo.

Na próxima rodada, ambos os times jogarão fora de casa. Enquanto o América vai até Tombos, para enfrentar a Tombense, às 16h, sábado (19), o Atlético voltará a campo, 18h30, no domingo (20), em Juiz de Fora, contra o Tupi.

O jogo
Logo no primeiro minuto de jogo, um susto. Carlos César e Ernandes se chocaram, cabeça com cabeça, na disputa de bola. Ambos caem no gramado, porém o lateral atleticano ficou imóvel e precisou receber o atendimento em campo. Minutos depois voltou ao jogo.

Em uma partida muito movimentada, quase o América abriu o placar aos 10 minutos. Bryan recebeu e chutou de fora da área, a bola desviou no zagueiro atleticano e foi na trave de Giovanni. Em resposta, aos 18 minutos, Cazares puxou contra-ataque, e cruzou da direita. Thiago Ribeiro chegou pega de primeira, mas o chute sai mascado, e a bola fica com a defesa.

Aos 25 minutos, o Atlético quase inaugurou o placar. Após lançamento em profundidade Clayton, evita a saída e, ajeita de calcanhar para Patric chegar chutando. Atento, João Ricardo caiu fechando o ângulo para fazer a defesa. Dois minutos depois Tiago Luís recebeu bom passe, invadiu a área do Galo e bateu cruzado. Giovanni fez ótima defesa, a bola sobrou para Rafael Bastos, que chuta para fora.

Seis minutos mais tarde não teve jeito. Vitor Rangel recebeu no lado direito do ataque, com um drible tirou dois adversários e da entrada área atleticana chutou cruzado para abrir o placar para o América. Sem chance para Giovanni, a bola ainda bateu na trave antes de entrar.

Vencendo por 1 a 0, o Ameérica que já jogava nos contra-ataques ficou ainda mais perigoso. Aos 38, Pablo arrancou pelo meio e tocou para Rafael bastos na direita, cruzar rasteiro, a bola passou por todo mundo, até chegar em Tony. O meia americano cruzou novamente, na cabeça de Ernandes que mandou à direita do gol de Giovanni.

Faltando dois minutos para o intervalo, novamente o América chegou com perigo. Em cobrança de falta de muito longe, Tiago Luis soltou uma bomba, mandando a bola muito perto do gol de Giovanni.

Segunto tempo
Assim como terminou o primeiro tempo, o América voltou melhor dos vestiários. Logo aos três minutos, em ótima jogada coletiva, a bola passa por Patric, Thiago Ribeiro e Júnior Urso, até chegar em Hyuri, já na área do Coelho. O atacante bate mal e perde grande chance. A resposta veio seis minutos mais tarde. Pablo faz boa jogada pela direita e cruza para o meio da área. Victor Rangel pega de primeira e manda a bola perto do gol de Giovanni.

Pressionando, o Atlético chegou ao empate aos 14 minutos. Patric recebeu na área tirou do alcance de João Ricardo e acabou derrubado pelo goleiro americano. Pênalti para o Atlético. Na cobrança, Clayton bateu no canto direito, João Ricardo fez a defesa, mas no rebote, o próprio atacante completou, para o gol vazio.

Aos 24 minutos quase o Atlético virou. Gabriel ficou com a bola cruzada na área do Coelho e bate para o gol. O zagueiro obriga João Ricardo a fazer grande defesa e mandar para escanteio. Nove minutos mais tarde foi a vez do América assustar. Bruno Sávio recebeu na área do Galo, girou e bateu. A bola explodiu no travessão de Giovanni.

Antes do árbitro apitar o final da partida, aos 41, quase Patric virou para o Galo. O lateral improvisado como ponta esquerda, recebeu passe na área do América e bateu cruzado para ótima defesa de João Ricardo.

Ficha Técnica
América 1 x 1 Atlético

América
João Ricardo; Pablo, Artur, Adalberto e Bryan; Leandro Guerreiro (Claudinei), Ernandes, Tony e Rafael Bastos (Danilo Barcelos); Victor Rangel (Bruno Sávio) e Tiago Luis
Técnico: Givanildo Oliveira

Atlético
Giovanni; Carlos Cesar, Gabriel, Tiago e Patric; Eduardo (Lucas Cândido), Júnior Urso (Leandro Donizete) e Cazares; Thiago Ribeiro (Pablo), Hyuri e Clayton
Técnico: Diego Aguirre

Gols: Victor Rangel, aos 33 minutos do primeiro tempo, Clayton, aos 14 minutos do segundo tempo
Cartões Amarelos: Cazares, Hyuri, Carlos Cesar e Eduardo (Atlético), Ernandes, João Ricardo, Leandro Guerreiro, Artur e Adalberto (América)
Arbitragem: Ronei Cândido Alves, auxiliado por Ricardo Júnio de Souza e Magno Arantes Lira
Público e Renda: 6.305 pagantes, R$ 118.470,00