paulo pedrosa

 

Se a eleição que definiu o presidente executivo do Cruzeiro teve maioria de votos para o candidato Sérgio Santos Rodrigues, a disputa para a presidência do Conselho Deliberativo azul foi acirradísima. A escolha aconteceu voto a voto até a última urna e a vitória ficou com Paulo César Pedrosa, da chapa 'Somos Todos Cruzeiro"

Além de Pedrosa, os candidatos Giovanni Baroni e Paulo Sifuentes seguiram até a quinta urna disputando a cadeira mais importante do Conselho Deliberativo azul. Luis Carlos Rodrigues foi quem recebeu o menor apoio e de longe acompanhou a disputa. 

A vitória de Paulo Pedrosa aconteceu por apenas dez votos. O fim da apuração mostrou 112 votos para o candidato da "Somos Todos Cruzeiro" contra 102 de Baroni, da "Transparência e Reconstrução".

Serão os componentes da mesa diretora do Conselho Deliberativo de 1º de junho a 31 de dezembro de 2020, além de Paulo Pedrosa (presidente), Nagib Simões (vice-presidente), Evandro Vassali (1º secretário) e Marcus Edmundo Lambertucci (2º secretário).

Pedrosa estava licenciado do Conselho Fiscal, onde também exercia o cargo de presidente. Ele foi eleito em 2017 e tinha a função de fiscalizar a gestão do ex-presidente Wagner Pires de Sá, mas coincidentemente era apoiado pelo próprio executivo maior do clube. É a primeira vez que Paulo Pedrosa assume à presidência do Conselho, o que o elevará do status de nato para benemérito ao fim de sua gestão.