O América apresentou na tarde desta sexta-feira (31) seu novo treinador. Como anunciado nessa quinta-feira (30), trata-se de Lisca, que chega para comandar a equipe no Campeonato Mineiro e na Série B do Brasileirão.

Empolgado com a oportunidade de comandar o Coelho, o técnico de 47 anos destacou o namoro antigo que tem que o clube mineiro e o que fez com que aceitasse a proposta do alviverde.

"A história do clube, a dimensão que o clube dá para aqueles que aqui têm sucesso, o reconhecimento, as condições de trabalho, a característica de vir de avô, para pai, para filho. A torcida do América é menor em relação aos dos rivais, mas tem tradição, história. Tudo isso me motivou muito", declarou o treinador.

Lisca

Animado em sua chegada ao novo clube, Lisca demonstrou o desejo de realizar um trabalho duradouro no América, onde deve manter suas características que o tornaram conhecido como "doido".

"Sempre quis um clube onde eu possa exercer meu trabalho a longo prazo e considero o América como esta grande oportunidade, ainda mais por ser um Clube de grande expressão. Sou realmente apaixonado pelo que eu faço, essa “doideira” que se tornou um estigma vem justamente da paixão e da vontade de trabalhar”, disse.

Ao lado de Lisca, chega ao Coelho o auxiliar Márcio Hahn. A dupla começa a trabalhar efetivamente com o grupo na manhã deste domingo (2). Na partida contra o Uberlândia, o interino Cauan de Almeida segue à frente da equipe.

*Sob supervisão de Thiago Prata