Vitória 'magra', liderança ‘gorda’: Galo bate o Furacão e abre 11 pontos sobre o Flamengo

Thiago Prata
@ThiagoPrata7
16/11/2021 às 17:58.
Atualizado em 05/12/2021 às 06:15
 (Pedro Souza / Atlético)

(Pedro Souza / Atlético)

Assim que saiu a escalação do Athletico-PR, com uma formação 100% reserva – a equipe paranaense optou por priorizar a final da Copa Sul-Americana, contra o Bragantino, no próximo sábado (20) –, aumentou a expectativa da Massa por uma vitória do Atlético na Arena da Baixada, nesta terça-feira (16), pela 33ª rodada do Campeonato Brasileiro. Quem esperava um show do líder da Série A se enganou. Mas o principal objetivo foi alcançado: a vitória do Galo.

Com gol de Zaracho, aos 45 minutos do primeiro tempo, o Alvinegro ganhou por 1 a 0 e chegou a 71 pontos, 11 a mais que o Flamengo, segundo colocado e que enfrenta o Corinthians nesta quarta-feira (17), às 21h30, no Maracanã.

O jogo

Primeiro, um jogo burocrático. Depois, o nervosismo. Por fim, a festa. O Atlético passou por esses três estágios no primeiro tempo da partida desta terça. Pouco criativo durante boa parte da etapa, o Galo só acordou depois de duas discussões envolvendo jogadores dos dois lados e que resultaram em cartões para Carlos Eduardo, do Athletico-PR, e Jair e Diego Costa, do Alvinegro.

Aos 45 minutos, o time mineiro transformou a ansiedade da Massa em grito de gol, quando Keno serviu Zaracho: 1 a 0.

O segundo tempo mal começou e precisou ser paralisado pela arbitragem, em função de uma briga envolvendo torcedores dos dois clubes. A confusão durou cerca de dois minutos, mas imagens da Globo mostram que houve depredação de cadeiras no estádio. Os dois clubes podem ser punidos pelo Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD).

Aos sete minutos, Hulk recebeu de Keno e encobriu o goleiro. Teria sido um golaço, se o impedimento não tivesse sido assinalado. Ainda assim, não fez falta. O Galo ganhou!

Próximo duelo

Agora, o Atlético volta suas atenções para o jogo deste sábado, contra o Juventude, às 19h, no Mineirão, pela 34ª rodada do Campeonato Brasileiro.Pedro Souza / Atlético

ATHLETICO-PR 0 X 1 ATLÉTICO

ATHLETICO-PR
Bento; Zé Ivaldo, Lucas Fasson e Nicolas (Pedrinho); Khellven; Christian, Juninho e Márcio Azevedo (Erick); Carlos Eduardo (Bissoli), Pedro Rocha (Rômulo) e Jader (Jaderson)
Técnico: Alberto Valentim

ATLÉTICO
Everson; Guga (Mariano), Nathan Silva, Réver e Dodô; Allan (Igor Rabello), Jair e Zaracho; Keno (Dylan Borrero), Diego Costa (Nathan) e Hulk (Eduardo Sasha)
Técnico: Cuca

DATA: 16 de novembro de 2021 (terça-feira)
LOCAL: Arena da Baixada
CIDADE: Curitiba (PR)
MOTIVO: 33ª rodada do Campeonato Brasileiro
ARBITRAGEM: Sávio Pereira Sampaio, auxiliado por Daniel Henrique da Silva Andrade e José Reinaldo Nascimento Júnior, todos do Distrito Federal
VAR: Daniel Nobre Bins (RS)
CARTÕES AMARELOS: Carlos Eduardo (Athletico-PR); Diego Costa e Jair (Atlético)
GOL: Zaracho aos 45 minutos do primeiro tempo

Compartilhar
Ediminas S/A Jornal Hoje em Dia.© Copyright 2022Todos os direitos reservados.
Distribuído por
Publicado no
Desenvolvido por