Cruzeiro, fábio

O goleiro Fábio está perto da marca de 900 jogos pelo Cruzeiro, mas em um passado não tão distante o goleiro poderia ter mudado de ares e saído da Raposa. O atual recordista de jogos na história cruzeirense revelou em entrevista ao canal "Desimpedidos" que recebeu sondagem do Corinthians em 2012.

"Eu fui procurado por muitos clubes no Brasil, quase todos os grandes. Eu tive uma sondagem antes de o Cássio entrar. Só que iriam testar o Cássio ainda, que já estava lá e ninguém tinha dado oportunidade. Graças a Deus foi muito bom para o Cássio, que se firmou e está aí fazendo história até hoje", revelou Fábio.

Cássio assumiu o gol do Corinthians naquele ano após o goleiro Júlio César perder sua condição de titular. O técnico Tite, então treinador do Alvinegro Paulista, barrou o arqueiro após a eliminação nas quartas de final do Paulistão justamente por duas falhas do antigo camisa 1.

A não ida de Fábio ao Corinthians foi boa tanto para o próprio goleiro quanto para Cássio. Os dois conquistaram títulos importantíssimos em seus clubes. Fábio foi bicampeão Brasileiro em 2013 e 2014, e bicampeão da Copa do Brasil, em 2017 e 2018. 
Já Cássio foi campeão da Libertadores e do Mundial de Clubes, em 2012, campeão Brasileiro em 2015 e 2017, e da Recopa em 2013.

"Tive a oportunidade de jogar contra o Cássio na final da Copa do Brasil. É muito gratificante ver o sucesso de um companheiro de profissão", lembrou Fábio, que levou a melhor no duelo particular com o atual goleiro do Timão. 

Fábio é o recordista de jogos na história do Cruzeiro com 883 partidas no clube.