cruzeiro, sergio santos rodrigues, lidson potsch, biagio peluso

Oficialmente, Sérgio Santos Rodrigues é o presidente do Cruzeiro. O advogado, conselheiro nato e eleito para o cargo máximo da Raposa no dia 21 de maio, tomou posse na manhã desta segunda-feira em solenidade na sede administrativa do clube, no Barro Preto.

Cumprindo medidas de segurança por causa da pandemia do coronavírus a cerimônia de posse foi simples, com a assinatura da ata de posse feita, além de Sérgio Santos Rodrigues, o presidente executivo, também por Lidson Potsch Magalhães (1º vice-presidente) e Biagio Teodoro Peluso (2º vice). 
“Começamos oficialmente os trabalhos no Cruzeiro. Digo que oficialmente pois desde a última semana toda a nossa equipe já estava aqui ao lado do Dalai (então presidente interino) e do

Conselho Gestor, que nos deram todo o espaço necessário para que iniciássemos a nossa atuação. Estamos muito animados e a Nação Azul sabe que estou realizando um grande sonho. Vamos trabalhar firme, que a torcida venha conosco e que todos possamos dar as mãos para construirmos um novo Cruzeiro. Só vamos superar as dificuldades com a ajuda de todos, em paz, unidos e sempre buscando o melhor para o Clube”, enfatizou Sérgio Santos Rodrigues ao site oficial do clube.

Sérgio Santos Rodrigues é o 38° presidente da história do Cruzeiro e sua gestão se inicia nesta segunda-feira e vai até 31 de dezembro de 2020, o famoso "mandato tampão", período que deveria ter sido presidido por Wagner Pires de Sá, que acabou renunciando após pressões pela queda à Série B do Campeonato Brasileiro e denúncias de supostas práticas ilícitas à frente do clube.

Uma nova eleição acontecerá em outubro para eleger o presidente que ficará responsável por conduzir o Cruzeiro no triênio 2021/2023.
Agora0 ex-presidente, José Dalai Rocha lembrou das inúmeras dificuldades no pós-renúncia de Wagner Pires de Sá, momento encarado pelo Conselho Gestor. 

“De 23 de dezembro até a data de hoje fizemos uma caminhada, que cronologicamente não foi tão longa, mas que emocionalmente foi muito grande, muito profunda e muito difícil. Tivemos grandes desafios neste período. Pegamos um navio sem rumo e graças à cooperação de todos colocamos esse navio em águas menos turbulentas. Entregamos agora a direção ao novo presidente, desejando que conduza seus trabalhos com serenidade, inteligência e responsabilidade. Todos nós desejamos o melhor ao nosso Cruzeiro, que aos poucos vai ressurgindo”, disse.

A primeira entrevista exclusiva do novo presidente do Cruzeiro foi dada ao Hoje em Dia. Acompanhe aqui o que disse o advogado Sérgio Santos Rodrigues sobre os seus planos à frente da Raposa. 

Leia mais
Renascimento: Sérgio Santos Rodrigues assume Cruzeiro com desafio de reerguer o clube
Grêmio como referência e democratização do clube: Sérgio Rodrigues defende mudanças no Cruzeiro
Sérgio Rodrigues garante 'gestão profissional e implacável' contra corruptos: 'serão expulsos'