O primeiro clássico da decisão do Campeonato Mineiro, neste domingo, no Mineirão, pode gerar recorde de público no estádio, este ano. Segundo a diretoria do Cruzeiro, mandante da partida, a carga de ingressos da equipe foi esgotada. Isso significa que 52 mil entradas foram comercializadas.

O maior público no estádio na temporada, até agora, é o do duelo entre a Raposa e o Coelho, ainda nas semifinais do Estadual, quando 51.525 torcedores compareceram ao Mineirão.

Até o início da tarde deste sábado, havia ingressos sobrando apenas para os torcedores alvinegros, que tiveram reservada a parcela de 10% dos 58 mil tickets disponibilizados para o confronto.

No jogo que abre a final mineira, o Cruzeiro aparece como favorito, tendo em vista que mantém-se invicto na temporada e, na quarta-feira, garantiu classificação antecipada (e o primeiro lugar do grupo) às oitavas-de-final da Libertadores, ao golear o Huracán (ARG), por 4 a 0, no Mineirão.

Já o Galo encara o confronto como uma oportunidade de reabilitação, depois de complicar bastante sua situação no torneio sul-americano, também na quarta-feira, ao ser batido por 4 a 1 pelo Cerro Porteño, em Assunção. 

O resultado provocou a demissão do técnico Levir Culpi, que será substituído interinamente na decisão por Rodrigo Santana. O time tem, contudo, a vantagem de dois empates ou dois placares invertidos (com o mesmo número de gols) nos dois confrontos decisivos, por ter feito melhor campanha no Estadual.