São apenas cinco jogos no time profissional do América, sendo os dois últimos na condição de titular, mas o suficiente para receber elogios do técnico Lisca e da torcida alviverde pelas redes sociais. Após dar os primeiros passos na equipe de cima, o lateral-direito Thalys tem como meta se manter entre os 11 principais e ajudar o Coelho a alcançar os objetivos da temporada.

"A gente (que vem da base) está trabalhando para isso, buscar nosso espaço no dia a dia. Se tivermos oportunidade, estaremos preparados para desempenhar um bom futebol", afirmou o jogador, lisonjeado pelos comentários positivos recebidos.

"Ser elogiado pelo Lisca é uma coisa muito boa. Ele dá total apoio a nós, da base. E vai nos ajudando a evoluir nos jogos. (...) Tive essas duas oportunidades (no Mineiro) e receber os elogios da nação americana é também algo muito importante para evoluir, dar sequência e conquistar grandes títulos com a camisa do América”, disse.

O próximo desafio do Coelho será no sábado (13), às 21h, no Independência, contra a Caldense. Pode ser a terceira partida consecutiva do lateral como titular. E o jovem atleta se diz atento para enfrentar a Veterana.

"Não só a Caldense, mas todos os times do interior são fortes e competitivos, dificultam o trabalho da nossa equipe. Mas estamos preparados para fazer um bom jogo e conquistar mais uma vitória", destacou.

Ídolos

Indagado sobre quais seriam suas referências no futebol, Thalys apontou dois atletas. "Aqui no América, era o Danilo, que conquistou várias coisas na Europa. E no geral, o Daniel Alves; ele conquistou vários títulos importantes, e me inspiro nele para minha carreira", comentou.

América

Thalys teve participação direta em dois gols do América neste Campeonato Mineiro