O elenco do Palmeiras voltou a treinar na tarde desta sexta-feira (13), depois da festa pelo título da Copa do Brasil, conquistado na noite de quarta. E o técnico Luiz Felipe Scolari resolveu esperar a recuperação física de alguns jogadores para definir o time que enfrenta o São Paulo, domingo (15), na Arena Barueri, pela nona rodada do Brasileirão.

Durante entrevista coletiva nesta sexta-feira, Felipão descartou a presença do atacante Luan e do zagueiro Thiago Heleno, que sofreram lesão muscular na final contra o Coritiba. Além disso, o zagueiro Román, também contundido, e o atacante Barcos, em recuperação de cirurgia, já estavam fora dos planos para o clássico contra o São Paulo.

A dúvida agora é sobre a presença do volante Marcos Assunção, do atacante Betinho e do zagueiro Henrique, que deixaram o campo na última quarta-feira com problemas físicos. Mas a tendência é que os três disputem o clássico de domingo. Mesmo porque, Felipão sabe que o Palmeiras precisa de uma vitória para poder reagir no Brasileirão.

"Se tivéssemos bem no Campeonato Brasileiro, poderíamos até aliviar um pouco. Mas não é o caso. A nossa tranquilidade acabou hoje (sexta-feira), às 15 horas, quando eles se reapresentaram. Mostrei a eles a nossa situação na competição e eles entenderam o recado", disse Felipão, lembrando que o Palmeiras está na zona de rebaixamento.