Depois de contratar dois zagueiros e um lateral-direito, o Atlético está no mercado atrás de um nome para fazer sombra a Fábio Santos na lateral esquerda. O Galo tenta o jovem Felipe Jonatan, do Ceará. A primeira oferta, entretanto, foi recusada e, pelas exigências da diretoria cearense, o jogador está mais longe de Belo Horizonte.

O Atlético ainda tenta um "sim" do Vozão, mas precisaria de uma ação mais flexivél do clube nordestino. Ao HD, o presidente do clube nordestino, Robinson de Castro, e o gerente de futebol, Marcelo Segurado, garantiram que não receberam a oferta formal do Atlético. Mas a reportagem apurou que o Galo buscou a diretoria cearense para apresentar uma proposta. Posteriormente, a oferta foi apresentada ao staff do atleta, composto por alguns empresários do ramo.

Felipe, aos 20 anos, seria um alvo certo do Atlético para o futuro, nos mesmos moldes de Guga e Emerson. Entretanto, o Ceará quer um pagamento à vista da multa rescisória. Segundo apuração do HD, o jogador renovou contrato até 2022 em outubro de 2018 e a multa para times do Brasil aumentou de R$ 5 milhões para R$ 6 milhões.

O Ceará pode perder um dos titulares para 2019 por agora. A negociação entre Santos e o Vozão pelo goleiro Everson está avançada. O empresário do jogador, Edson Neto, viajou para São Paulo para tentar sacramentar a tratativa. Edson, curiosamente, é o mesmo agente de Felipe Jonatan.