Enfim, o Atlético fará o ‘jogo a menos’ para tentar aumentar a vantagem que possui na liderança do Campeonato Brasileiro. Válida pela sexta rodada da competição, a partida contra o Athletico-PR acontecerá nesta quarta-feira (18), às 19h, no Mineirão, representando uma ponta de alívio e o fim de uma ansiedade dentro do elenco alvinegro.

Só que os comandados de Jorge Sampaoli estão cientes de que o Furacão também estava aguardando por este duelo, pois conquistar pontos em cima do Galo seria de suma importância para se afastar da zona de rebaixamento. Atualmente, o time paranaense ocupa o 16° lugar, com 22 pontos, dois a mais que o maior rival, o Coritiba, que encara o Bahia, nesta segunda-feira (16), às 18h, no Couto Pereira.

"Um jogo que estava em falta. Ganhando este jogo, a gente consegue subir mais um pouco na pontuação. Deixa a gente mais de boa. Vai ser uma briga até o final. Vamos lutar bastante, como todos estão vendo. Queremos muito (o título), mais do que todos", disse o atacante Marrony.

Se superar o Athletico-PR, o Galo chega a 41 pontos, colocando cinco de vantagem sobre o vice Inter e o quarto colocado Flamengo e sete em relação ao sexto Santos, igualando o número de embates desses três. Também aumentaria a diferença sobre o São Paulo (terceiro, com 36 pontos), e o Palmeiras (quinto, com 34 pontos), mas estes dois ficarão com três e um duelo a menos que o Atlético, respectivamente.

O confronto adiado do Verdão é contra o Vasco, em casa, em data ainda a ser definida. Já os do São Paulo serão diante de Ceará, fora (25/11), Goiás, fora (3/12), e Botafogo, em casa (9/12).

Atlético