Depois de vencer o Coritiba por 1 a 0, na noite de domingo, pela oitava rodada do Campeonato Brasileiro, o Atlético já deu início aos preparativos para o duelo contra o Santos, na quarta-feira (9), na Vila Belmiro, às 17h. Viajando apenas em voos fretados, como medida de prevenção contra o Covid-19, o Galo desembarcou em Confins às 2h30 desta segunda-feira (7) e o elenco seguiu direto para a Cidade do Galo, onde dormiu e participou de atividades regenerativas pela manhã.

O técnico Jorge Sampaoli tem pouco tempo para preparar o time que enfrentar o Peixe, time que conhece bem e não poupa elogios. O elenco parte na terça (8) rumo ao litoral paulista e pegará um Santos mais descansado. O argentino deverá repetir a mesma formação contra o Coxa. 

Mas Sampaoli está preocupado com o setor ofensivo. Mesmo com o bom desempenho de Sasha, que foi decisivo no domingo, o técnico sabe que não pode deixar espaços para alvinegro praiano e que precisa manter a intensidade no ataque. “É um grupo muito forte. E na Vila é um lugar muito difícil e é certo que teremos uma partida muito exigente”, pontou o técnico, ao final do jogo contra o Coxa.

Departamento médico

O zagueiro Réver ainda é dúvida na escalação do técnico argentino. Gripado, o jogador não se apresentou na manhã desta segunda e pode não ser relacionado para acompanhar o time. 

Ainda no departamento médico, o meia Nathan, tem mostrado evolução da lesão no bíceps femoral, sofrida em agosto. Esta semana ele deverá iniciar preparação física e pode estar disponível, na próxima semana. Uma notícia animadora, uma vez que a previsão era de dois meses fora dos gramados.

Bruno Silva

Se Nathan tem boas possibilidades de retornar ao elenco na próxima semana, o atacante Bruno Silva pode se despedir do clube. Sem muito aproveitamento por parte de Sampaoli, a Chapecoense solicitou o retorno do jogador, que está emprestado no Galo.

O treinador, que cobra reforços no ataque, não tem dado muitas oportunidades para o atleta e não o relacionou nas partidas contra Coritiba e São Paulo. A última participação do atacante foi no final do Mineiro, contra o Tombense. O desfecho deve ocorrer ainda nesta tarde, em reunião entre representantes dos dos dois clubes.