Com gols marcados por Bruno Henrique no segundo tempo, o Goiás bateu o Atlético Paranaense por 2 a 0, neste sábado, no Estádio Serra Dourada, pela segunda rodada do Campeonato Brasileiro. O duelo foi disputado com os portões fechados, pois o clube goiano cumpriu punição imposta pela CBF ainda em 2014, e marcou o reencontro do atacante Walter com o Goiás, time pelo qual viveu os melhores momentos da sua carreira.

Agora, na terceira rodada, o Goiás, que chegou aos quatro pontos no Brasileirão, vai enfrentar o Palmeiras, no próximo domingo às 11h no Allianz Parque, em São Paulo. Com três pontos, o Atlético-PR recebe o Atlético Mineiro, no domingo às 16 horas na Arena da Baixada, em Curitiba, em busca da reabilitação - o time soma três pontos.

No primeiro tempo da partida deste sábado, o Goiás investiu no ataque, com jogadas em velocidade, mas falhou nas finalizações. O Atlético-PR, atuando com laterais ofensivos - Eduardo e Natanael - tocou bem a bola, atacou pelos flancos e obrigou o adversário a recuar.

No melhor ataque atleticano, aos 17 minutos, Walter aproveitou a sobra do zagueiro Felipe Macedo. Dominou, passou por Alex Alves, bateu forte no canto e o goleiro Renan defendeu. "O Renan foi muito rápido", justificou o atacante no intervalo.

A reação do Goiás, embora tardia, levou perigo em duas boas jogadas. Aos 44 minutos, Bruno Henrique tentou encobrir o goleiro. Aos 45 minutos Erik bateu forte e Weverton defendeu. "Faltou caprichar um pouquinho", justificou o jogador no intervalo.

No segundo tempo, o Goiás abriu o placar aos 9 minutos. Felipe Menezes cobrou escanteio, Bruno Henrique subiu, de cabeça acertou o ângulo direito do goleiro atleticano, e balançou a rede: 1 a 0.

A partir daí, o Goiás deslanchou na partida e Bruno Henrique voltou a marcar. Aos 35 minutos, Felipe Menezes lançou o atacante, que invadiu a área, ganhou a dividida com Natanael e chutou para marcar, definindo a vitória do Goiás por 2 a 0.

FICHA TÉCNICA
GOIÁS 2 x 0 ATLÉTICO-PR

GOIÁS - Renan; Everton, Felipe Macedo, Alex Alves e Rafael Forster (Fred); Rodrigo, Péricles (William Koslowski), Patrick (Juliano) e Felipe Menezes; Bruno Henrique e Erik. Técnico: Hélio dos Anjos.

ATLÉTICO-PR - Weverton; Eduardo, Gustavo, Kadu e Natanael; Deivid, Jadson, Hernani (Bady) e Felipe (Nikão); Douglas Coutinho (Edigar Junio) e Walter. Técnico: Milton Mendes.

GOLS - Bruno Henrique, aos 9 e aos 35 minutos do segundo tempo.

ÁRBITRO - Héber Roberto Lopes (Fifa-SC).

CARTÕES AMARELOS - Péricles, William Kozlowski (Goiás); Kadu (Atlético-PR).

CARTÃO VERMELHO - Jadson (Atlético-PR).

RENDA e PÚBLICO - Não divulgados.

LOCAL - Estádio Serra Dourada, em Goiânia (GO).