Hoje o dia é de festa para o ex-goleiro Gomes. Nesta segunda-feira (15), o defensor da meta do Cruzeiro na conquista da tríplice coroa, em 2003, completa 40 anos.

Natural de João Pinheiro, no Noroeste mineiro, Heurelho da Silva Gomes surgiu para o futebol quando atuava pelas categorias de base do Democrata-SL, no início dos anos 2000.

Contratado pela Raposa e incorporado ao elenco principal pelo técnico Felipão, defendeu o gol do time celeste por 110 jogos, entre 2002 e 2004, e sofreu 111 gols. Os dados são do portal Cruzeiropédia. 

No período, conquistou o título do Campeonato Brasileiro (2003), da Copa do Brasil (2003), do Campeonato Mineiro (2003 e 2004), do Supercampeonato Mineiro (2002) e da Copa Sul-Minas.

Em 2004, foi negociado pelo clube estrelado com o PSV-HOL dando início a uma extensa carreira internacional.

Depois de passar quatro temporadas na Holanda, se transferiu para o Tottenham-ING, permanecendo seis temporadas nos Spurs, com um breve período de empréstimo ao Hoffenheim-ALE.

Nos últimos seis anos de carreira vestiu a camisa do Watford-ING, onde se tornou um grande ídolo da torcida, até se aposentar no ano passado.

Gomes também defendeu a seleção brasileira, fazendo parte dos elencos que disputaram a Copa do Mundo (2010) e a Copa das Confederações (2005 e 2009).

"Jogaria de graça pelo Cruzeiro"

Em outubro do ano de 2020, em entrevista à ESPN, o ex-jogador, sensibilizado pelo momento ruim pelo qual a Raposa atravessa, chegou a se oferecer para ajudar a equipe estrelada. 

  "Se fosse preciso, eu jogaria de graça pelo Cruzeiro. Eu passei na Toca da Raposa e me deu um aperto no coração. Eu olhei para o escudo e lembrei daquele ano tão vitorioso de 2003. Um time com uma história maravilhosa e que está na atual situação por causa de pessoas que não geriram bem o clube", disse Gomes. 

Em uma demonstração de que o carinho é recíproco, o Cruzeiro fez uma homenagem ao aniversário do ex-goleiro, através de uma publicação nas redes sociais. 

No mesmo post, o clube estrelado também parabenizou Joãozinho, outra importante figura da história da instituição, que completa 67 anos também nesta segunda.