Há exatos 21 anos, o torcedor do Atlético experimentava uma das maiores vitórias sobre o rival Cruzeiro no Campeonato Brasileiro. Em 21 de novembro de 1999, o alvinegro conseguia a segunda vitória sobre o time celeste e, quebrando o favoritismo do adversário, avançava às semifinais da competição mais importante do país.

Comandado por Humberto Ramos, o Galo, que já havia vencido a primeira partida das quartas de final por 4 a 2, voltou a derrotar a Raposa, desta vez por 3 a 2, e, assim, carimbou a vaga para encarar o Vitória na fasse seguinte. O time cruzeirense era comandado por Levir Culpi.

Os gols daquela partida foram marcados pelo atacante Guilherme (2x) e pelo meia Adriano. Naquela tarde, mais de 64 mil pessoas estiveram presentes ao Mineirão para acompanhar o clássico, com renda de pouco mais de meio milhão de Reais. Oscar Roberto de Godói foi o árbitro do jogo.

Posteriormente, o Atlético despachou os baianos e decidiu o Brasileirão com o Corinthians; ficando com o segundo lugar.

asas