Um dia após anunciar uma troca de técnicos para reagir no Campeonato Alemão, no qual amarga o penúltimo lugar, o Hoffenheim surpreendeu nesta terça-feira ao confirmar que terá o treinador mais jovem da história da competição na próxima temporada do futebol europeu. Trata-se de Julian Nagelsmann, de 28 anos, que ainda precisará passar por testes obrigatórios para ganhar a licença de técnico profissional.

Curiosamente, o anúncio do futuro comandante aconteceu na coletiva de apresentação do novo treinador da equipe, o veterano Huub Stevens, de 61 anos, que chegou para substituir o demitido Markus Gisdol e assinou contrato para dirigir o time até o final desta temporada.

Ao comentar a futura promoção de Nagelsmann, atualmente técnico do time júnior do Hoffenheim que se sagrou campeão nacional em 2014, o diretor esportivo Alexander Rosen admitiu que este será um "passo corajoso", mas destacou que o jovem de 28 anos é um "técnico muito talentoso" e o clube "queria lhe dar uma perspectiva".

O dirigente ainda confirmou que Nagelsmann terá um contrato de três anos e seguirá no comando do time sub-19 do clube até o final desta temporada, período em que continuará estudando para ganhar a licença de técnico de equipe profissional. "Estou ansioso para uma tarefa muito tentadora e gostaria de agradecer a todos pela confiança e oportunidade que estão me dando", afirmou o treinador de 28 anos.

Enquanto não tiver a jovem promessa no seu comando, o Hoffenheim lutará para seguir na elite nacional e melhorar uma campanha de apenas seis pontos em dez partidas disputadas até aqui no Campeonato Alemão. Na última sexta-feira, o time foi derrotado por 1 a 0 pelo Hamburgo, em casa, e o revés foi determinante para a demissão de Gisdol.