Depois de duas semanas de interrupção por causa do Carnaval, que teve na segunda-feira apenas um jogo atrasado da quinta rodada (URT 1 x 1 Boa Esporte), o Campeonato Mineiro volta a ter jogos neste final de semana e Atlético, América e Cruzeiro seguem na batalha pela liderança da fase classificatória.

E a nona rodada, que será disputada neste sábado e domingo, é decisiva no que se refere ao primeiro lugar apenas para o Cruzeiro. Isso porque, caso Atlético e América vençam suas partidas, a situação cruzeirense ficará ainda mais complicada na busca pelo primeiro lugar.

O site Probabilidades no Futebol (www.mat.ufmg.br/futebol), mantido pelo Departamento de Matemática da UFMG, mostra hoje uma grande vantagem atleticana nessa batalha.

Isso porque o time do técnico Levir Culpi depende de mais sete dos nove pontos que disputará para manter a primeira posição.

O América, assim como o Atlético, também só depende dele, pois vencendo as três partidas restantes volta à primeira posição, pois na próxima rodada faz o clássico contra o Galo, dia 17, no Mineirão.

Isso deixa o Cruzeiro como o único que não depende apenas dele para terminar a fase classificatória na primeira colocação.
Para isso, a Raposa precisa que o Atlético perca pelo menos quatro pontos nas três últimas rodadas, e o América, no mínimo, dois.

O clássico entre atleticanos e americanos na décima rodada ajuda nesta dependência cruzeirense, mas uma vitória do América pode fazer com que o Coelho seja primeiro, o Galo segundo e a Raposa permaneça na terceira posição, dependendo dos outros resultados dos dois rivais do time de Mano Menezes nos outros dois jogos, a começar pelos deste sábado.

O Atlético encara o Patrocinense, às 16h30, em Patrocínio. O América recebe o Tupynambás, às 21h, no Independência. O Cruzeiro só entra em campo pela nona rodada neste domingo, quando recebe o Tombense, às 16h, no Mineirão.

VANTAGEM

Dificilmente os três clubes da capital deixarão de ser os primeiros colocados do Estadual. E isso cria uma situação em que o primeiro lugar, que além de ser mandante nas quartas jogará semifinal e final com a vantagem de dois empates ou vitória e derrota pela mesma diferença de gols, passe a valer muito mais.

Com este cenário, se os três clubes da capital passarem pelas quartas, teremos na semifinal um clássico entre aqueles que terminarem a fase classificatória na segunda e terceira posições.