Sim, a Superliga, um dos mais fortes campeonatos nacionais do vôlei mundial também tem pausa para as festas de fim de ano, ainda que por pouco tempo. Antes de se encontrar com familiares e pessoas queridas e se entregar às tentações gastronômicas da época, no entanto, é necessário fazer a parte habitual na quadra.

No caso da competição feminina, as duas mineiras jogam hoje para defender a invencibilidade, diante de rivais que trazem boas lembranças. E em situação bem diferente à dos últimos encontros. O líder Praia Clube encara o Audax às 19h, em Osasco, repetindo o confronto das semifinais da edição passada, que deu, à equipe de Uberlândia, a chance de decidir (e vencer pela primeira vez a Superliga).

Se as comandadas por Paulo Coco lideram, com sete vitórias e apenas dois sets perdidos, a equipe paulista passou por reformu-lação e aparece em sétimo lugar. Mas, com atletas experientes pela frente como Destineé Hooker, Claudinha, Carol Albuquerque, Walewska e a peruana Angela Leyva, treinadas por Luizomar Moura, todo cuidado é pouco.

O técnico praiano pode optar por poupar novamente a central Fabiana, que não enfrentou Barueri e Fluminense, para se recuperar de um desconforto no joelho. Se for o caso, Francynne mostrou ter condição de substituir a bicampeã olímpica à altura – foi eleita a melhor em quadra no triunfo sobre o tricolor carioca.

LADO DE CÁ
No caso do Minas, que entra na quadra de sua arena às 20h, as adversárias são as meninas do Sesc-RJ, de Bernardinho. Exatamente a equipe superada na decisão do último Sul-Americano, no mesmo ginásio, o que valeu ao grupo de Stefano Lavarini o passaporte para o Mundial da China, carimbado com um valioso vice-campeonato.

Também neste caso os papeis se invertem, tanto mais que um dos destaques daquela equipe na temporada passada hoje está do lado de cá: a ponteira mineira Gabi. Outro destaque das mineiras, a oposta Bruna Honório também atuou sob o comando do ex-treinador da Seleção Masculina. “Sabemos todas as qualidades do time e da comissão técnica deles. Nós sabemos o quanto eles jogam juntos e revertem placares incríveis. Precisamos ser eficientes e não podemos cometer erros. Se elas crescerem no jogo, fica muito difícil superá-las. Estamos preparadas para o duelo e vamos com toda a força”.
Os ingressos para a partida estão à venda no www.eventim.com.br, a R$ 20, com meia-entrada.