Começou. Depois de todo o trabalho nos bastidores para a composição do grupo e o acerto com apoiadores, chegou a hora de trabalhar na quadra. Os atletas do América Vôlei se apresentaram ao técnico Henrique Furtado em Montes Claros para a pré-temporada.

Depois do bate-papo com o gestor do projeto, Andrey Souza, os jogadores fizeram atividades físicas e o primeiro trabalho com bola, na AABB. Dos 11 nomes confirmados, as ausências são o levantador Rhendrick Resley e o oposto Welinton Oppenkoski, que estão com a Seleção Brasileira Sub-21, no mundial da categoria.

"Todos estão muito satisfeitos em participar deste projeto. Os jogadores demonstram uma ambição muito grande, e se mostram dispostos a crescer junto com o América Vôlei. Além disso, todos têm muito potencial, são jogadores de muita qualidade; cada um pode dar uma contribuição muito grande para formarmos um time forte", destacou o comandante do Coelho, que vem de experiências no JF Vôlei e no Lavras e ainda é ligado ao Sada Cruzeiro.

Mais experiente do time, o ponteiro Thiago Alves acredita que o fato de vários atletas terem trabalhado anteriormente com Furtado ajudará na adaptação e será um dos diferenciais do time. "Temos uma boa mescla entre juventude e experiência. Teremos cerca de um mês de preparação para o início das competições oficiais, com o Campeonato Mineiro, e podemos fazer uma grande temporada".