O Kartódromo RBC Racing, em Vespasiano, recebeu sábado as disputas da nona e décima etapas do Campeonato Mineiro de Kart. As provas, que fizeram parte da quinta e última rodada do estadual, contaram com a participação de mais de 70 pilotos e definiram os campeões da temporada 2018.

Abrindo a programação as categorias Mirim e Cadete tomaram a pista num grid de 14 pilotos. Em um dia de atuação irretocável o piloto Luca Neuenschwander garantiu a pole-position e venceu as duas corridas do dia chegando, assim, ao título. O vice-campeonato ficou com Gustavo De Luca. No pódio da etapa, porém, estiveram ao seu lado Miguel Máximo e João Vitor Ladeira. Pela categoria Mirim, Oliver Gonçalves ficou com o título seguido por Enzo Azevedo, na segunda colocação.

Também com 14 pilotos no grid as categorias Júnior e Super Master tomaram o traçado para as decisivas competições. O piloto Ayrton Gil, da Júnior, garantiu a pole-position geral. Nas corridas, porém, quem levou a melhor foi Gabriel Paturle que venceu as duas provas, sem muito trabalho, e com isso garantiu o título do Campeonato na Super Master. Nesta classe o vice ficou com Fernando Buzollo. Na etapa, Buzollo ficou também com a segunda colocação e Flávio Costa foi o terceiro. Pela  Júnior Ayrton Gil ficou com o título e, na Júnior Menor, o campeão foi Lucas Staico.

Na F4 Júnior Quim Marques registrou a pole com 58s203. Na primeira corrida, porém, as disputas foram extremamente intensas e ele acabou perdendo a ponta para Théo Guedes, de Paracatu. Théo abriu vantagem, mas, nas últimas voltas foi muito pressionado e teve de se defender para ficar com a primeira vitória do dia. Na segunda corrida foi a vez de Quim levar a melhor com Helena Melo em segundo e Davi Santos, na terceira posição. O título da nova categoria ficou com Quim Marques trazendo Theo como vice-campeão.

Dez pilotos formaram o grid da categoria F400 que viu o piloto Luiz Pinheiro registrar a pole-position com o tempo de 58s938. Luiz não deu a menor chance a seus adversários e, em ambas as provas, venceu com grande diferença para os demais. Para completar o piloto fez ainda a melhor volta nas duas corridas garantindo, assim, a pontuação máxima do dia. No pódio da corrida, ao seu lado, estiveram Gustavo Martins e Humberto Alves. Com o resultado desta etapa Luiz garantiu também o título deixando Martins com o vice.

Pela categoria Super Kart Indoor, que realiza apenas uma prova com 30 minutos de duração, a vitória ficou com Adriano Juliani que trouxe contigo Renan Emediato, em segundo e Adriano Velloso Santos em terceiro. No Campeonato o título ficou com Adriano Velloso, seguido por Weller Prudêncio.