Tentando esboçar qualquer sinal de reação no Campeonato Brasileiro, o Paraná terá obstáculo extra contra o Fluminense, nesta segunda-feira (8), às 20 horas, no Maracanã. A série de desfalques fez o técnico Claudinei Oliveira quebrar a cabeça para escalar o time para o duelo válido pela 28ª rodada.

A lista de baixas tem os laterais Igor e Junior e os meias Maicosuel e Nadson, todos lesionados. Além disso, atacante Carlos vai cumprir suspensão. Sem estes jogadores titulares, o time paranaense tentará encerrar uma sequência de 13 rodadas sem vitória na competição.

Por outro lado, o treinador volta a contar com os zagueiros Rayan e Renê Santos. O primeiro deve ser titular, formando dupla com Jesiel, enquanto o segundo fica como opção no banco de reservas.

O volante Leandro Vilela deve ser improvisado na lateral-direita, e Mansur fica com a vaga na esquerda. No meio, Deivid e Caio Henrique brigam por uma vaga, enquanto o atacante Silvinho deve assumir a outra.

O Paraná vive situação delicada. Lanterna de forma isolada, com apenas 17 pontos, o time não vence desde a 14ª rodada, quando bateu o América-MG por 1 a 0. Com dez pontos a menos do que o penúltimo colocado Sport, o clube paranaense já faz as contas pela permanência na primeira divisão e dificilmente conseguirá se manter na elite para a próxima temporada.