A pandemia segue em evidência e, mais uma vez, desfalcando times de futebol. Desta vez, a vítima é o Villa Nova, que disputa a Série D do Campeonato Brasileiro sob comando do técnico Mancini.

Neste sábado (7), o Leão do Bonfim usou as redes sociais para comunicar que 12 atletas foram diagnosticados com a Covid-19 e, com isso, só terá outros 12 para enfrentar o Tupynambás, em duelo marcado para às 16h, em Juiz de Fora, na Zona da Mata.

A diretoria do alvirrubro tentou o adiamento da partida, mas a Confederação Brasileira de Futebol (CBF) não atendeu o pedido do clube novalimense. Pelas regras, o número mínimo de atletas que um equipe precisa ter para estar apta a entrar em campo é de sete.

Sétimo colocado entre oito times do Grupo 6, o time comandado por Mancini soma apenas 8 pontos em 30 disputados; são duas vitórias, dois empates e seis derrotas. O alvirrubro, apesar da péssima campanha de momento, ainda tem chance de avançar de fase, já que ainda restam quatro rodadas.