O Golden State Warriors pode ser o time da NBA com mais atletas nos Jogos Olímpicos do Rio. São quatro na seleção americana, um na australiana, um na nigeriana e agora dois na brasileira. Anderson Varejão e Leandrinho fazem parte do elenco que busca o bicampeonato da NBA e são nomes praticamente certos na convocação do técnico Ruben Magnano.

Nenhum dos jogadores do elenco do time de Oakland, entretanto, vai atrair mais atenção do que Stephen Curry. O armador é o craque do momento na NBA. Já bateu o recorde de bolas de três pontos numa mesma temporada e lidera a equipe rumo à melhor campanha da história numa temporada regular.

"Ele (Curry) é imparável. Ele é meu colega, um grande colega. É um grande jogador", elogia Leandrinho, que atua como reserva de Curry. Os dois são amigos particulares e convivem muito bem. À ponto de o brasileiro dizer que sabe o "segredo" de Curry: "Eu sei o segredo. Eu treino com ele todo dia", contou em entrevista ao site da Fiba.

Curry é conhecido por ser um exímio arremessador, que faz centenas de arremessos todos os treinos. Os jogos do Warriors na NBA têm deixados lotados bem antes de as partidas começarem, tudo para que os torcedores possam acompanhar in loco os exercícios do craque.

No Rio deverá acontecer o mesmo. Além de Curry, também Klay Thompson, Iguodala e Draymond Green estão na lista de pré-concodados dos EUA, brigando por uma vaga no melhor elenco do mundo. "Todos os três querem jogar e espero que consigam. Os EUA têm grandes jogadores. Tomara que eles consigam ir e nós possamos nos encontrar no Brasil e ter um pouco de diversão na quadra", comentou Leandrinho.