Quanta diferença. Se até bem pouco tempo Minas Gerais exportava campeões sobre duas e quatro rodas sem ter uma pista adequada para receber treinos e corridas, atualmente há duas (o Circuito dos Cristais, em Curvelo, e o Mega Space, em Santa Luzia) e, em breve, uma terceira. 

Até o fim de 2019, o Autódromo Potenza abrirá as portas em Lima Duarte (Zona da Mata), a 40 quilômetros de Juiz de Fora. As obras seguem em ritmo acelerado no terreno às margens da BR-267.
A iniciativa é de um empresário da região amante do automobilismo e do motociclismo, disposto a criar uma estrutura ideal para receber track days(eventos para carros de rua), mas também etapas de campeonatos regionais e nacionais de carros e motos).

A coordenação do projeto foi entregue ao uruguaio radicado no Rio Grande do Sul Johnny Bonilla, que por vários anos foi responsável, na Confederação Brasileira de Automobilismo (CBA), pela homologação e supervisão das condições de segurança nos circuitos brasileiros. 

Com um desafio: o terreno estreito (de 900 mil metros quadrados), entre montanhas, exigiu um aproveitamento perfeito do espaço – além do traçado e das áreas de escape, foi necessário pensar na área de boxes, vias de acesso e locais para receber público, ainda que, por enquanto, não esteja prevista a montagem de arquibancadas fixas.
 

O Potenza está nascendo às margens da BR-267, a 270 quilômetros de BH e a 40 de Juiz de Fora

 

Mesmo assim, foi possível desenhar uma pista com cerca de 3.600m de extensão e largura média de 12 metros (15 na reta dos boxes) alternando três retas com curvas de raios variados – um traçado de média velocidade, que promete dar bastante trabalho (e diversão) aos pilotos. 
O trabalho arquitetônico foi entregue ao escritório gaúcho Milanez Arquitetos, com experiência na montagem do complexo Velopark, em Nova Santa Rita. E o conceito adotado é o de autódromo arena.

Asfalto
Atualmente o trabalho está na fase de terraplenagem e delimitação da pista propriamente dita, além da criação das estruturas de drenagem e escoamento de água. 
A expectativa dos responsáveis pelas obras é de que o revestimento asfáltico tenha sido colocado até fevereiro, com um período de 

Veja uma galeria de fotos e vídeos das obras e do projeto no site Racemotor (https://racemotor.com.br), do jornalista Rodrigo Gini