A temporada 2021 começou muito bem para Zaracho. Atleta que sofreu com uma lesão grave e vivenciou um árduo período de adaptação ao futebol brasileiro em 2020, o meia argentino acumula duas boas apresentações neste início de Campeonato Mineiro. Fato que não passou despercebido pelo técnico interino do Atlético, Lucas Gonçalves.

“O Zaracho é jovem, aposta do clube e foi muito bem nesses dois jogos. Vai ganhando confiança. Acredito que vai fazer bons jogos daqui para frente”, sintetizou o comandante, após o triunfo por 2 a 1 em cima do Tombense, nesta quinta-feira (4). 

Em seguida, detalhou melhor o desempenho do armador. “Ele reúne características e valências importantes para um jogador de meio-campo. Tem refino técnico, esconde bem a bola. E, sem a bola, é também extremamente intenso. Às vezes temos até que dar uma dosada nele. O resultado está aí, com ele fazendo bons jogos”, disse.

Mas não foi só Zaracho quem recebeu elogios do treinador. A trinca formada pelo argentino, o colombiano Dylan Borrero e Calebe foi alvo de comentários positivos do técnico alvinegro.

“Nossa proposta, quando colocamos esses três jogadores, Calebe, Dylan e Zaracho, era a que de pudessem jogar tanto na primeira função (de volante) quanto como meias. Acaba facilitando para abrir espaços, com troca de posições, e isso confunde a marcação adversária. Os três sabem fazer isso. O jogo começou a fluir na parte ofensiva para nós”, afirmou. 

Atlético