Felipe Kitadai e Rafaela Silva brilharam nesta sexta-feira (10) no primeiro dia do Grand Slam de Baku. Os brasileiros foram campeões nas suas respectivas categorias no evento no Azerbaijão, enquanto Larissa Pimenta faturou a medalha de bronze.

Kitadai (66kg) ganhou cinco lutas para conquistar o ouro. Ele estreou com vitória sobre Orkhan Safarov, do Azerbaijão e prata no Mundial de 2017. Depois derrotou o russo Islam Yashuev, atual campeão europeu. E nas quartas de final passou pelo georgiano Jaba Papinashvili.

Na semifinal, conseguiu uma improvável virada sobre o espanhol Francisco Garrigos, que deu um wazari no começo da luta. Mas o brasileiro respondeu com um a 15 segundos do fim e outro quando faltavam apenas 4s para a conclusão da luta. Já na final, a conquista foi sobre o georgiano Temur Nozadze.

O título de Rafaela (57kg) foi expressivo, pois a campeã olímpica venceu na final a japonesa Tsukasa Yoshihda, a quem nunca havia superado na sua carreira, com derrotas nas quatro lutas já realizadas. Além disso, a brasileira havia perdido as quatro decisões que tinha disputado nesta temporada.

Antes de superar esses jejuns nesta sexta-feira, Rafaela havia somado três vitórias em Baku. A brasileira também derrotou a sérvia Marica Perisic, a francesa Helene Receveaux e a húngara Hedvig Karakas.

Em sua temporada de estreia na seleção adulta, Larissa Pimenta (até 52kg) subiu pela primeira vez ao pódio de um Grand Slam. E está em grande fase, pois conquistou medalhas em sete dos nove eventos que participou em 2019. E o bronze em Baku veio com vitória sobre a também brasileira Eleudis Valentim.

Antes, Larissa derrotou a espanhola Estrella Lopez Sheriff e a polonesa Agata Perenc, mas perdeu nas quartas de final para a japonesa Ai Shishime. Na repescagem venceu a russa Alesya Kuznetsova, se garantido na luta pelo bronze. Na sua campanha no Azerbaijão, Eleudis havia batido a casaque Anna Kazyulina, a espanhola Ana Perez Box e a suíça Evelyne Tschopp, perdendo nas semifinais para a francesa Amandine Buchard.

Também nesta sexta-feira, Gabriela Chibana (até 48kg) lutou pelo bronze, mas perdeu para Catarina Costa, de Portugal. Ela havia derrotado a holandesa Amber Gersjes e a japonesa Ami Kondo, perdendo na sequência para a portuguesa Maria Siderot. Na repescagem, passou pela francesa Melanie Clement.

Além disso, Phelipe Pelim, Nathália Brigida e Daniel Cargnin perderam na segunda luta nesta sexta-feira, enquanto Charles Chibana foi eliminado logo na estreia.

O Grand Slam de Baku prossegue até domingo, sendo a última competição que dará pontos para definir os classificados para o Mundial de Judô.

Leia mais:
Tenista Ymanitu Silva será 1º brasileiro em cadeira de rodas em um Grand Slam
Campeão em Montecarlo, Fognini sobe 6 posições e é 12º; Djokovic amplia liderança