O piloto Walter Toledo quer ser o mais jovem a dar uma volta ao mundo em um avião monomotor. O jovem, de apenas 20 anos, quer entrar para o Guinness Book - o livro dos recordes - com a expedição.
 
Walter vai iniciar o seu trajeto na cidade de Goiânia, no dia 8 de julho. O brasileiro vai aterrissar no solo dos Estados Unidos, Canadá, Dinamarca Islândia, Inglaterra, França, Alemanha e Rússia.
 
Com a expedição "Brasil Voando Alto", Toledo pretende mostrar que os brasileiros também realizam grandes feitos.
 
"Quero mudar esse pensamento que reina secularmente na cabeça dos brasileiros de que tudo que vem de fora é melhor que o nosso. Tenho orgulho de ser brasileiro, pois meu país é uma potência mundial, e quero que todos também tenham esse sentimento", enfatiza Toledo.
 
Na expedição, ele vai utilizar uma aeronave da Piper, batizada de Malibu matrix, com motor de 350hp bi turbo, não pressurizado, com alcance de 1300 milhas náuticas (2.400km), altitude máxima de voo de 25 mil pés e capacidade para 6 pessoas.
 
Viagem experimental
 
Preparando-se para dar a volta ao mundo, Toledo realizou em maio uma viagem experimental para as Ilhas Malvinas. Nela, ele testou todas as possibilidades que acredita que irá encontrar no trajeto ao redor do globo, como permissão de voo e autonomia da aeronave.