Vôlei

Minas vence o Cruzeiro e força o terceiro jogo da final da Superliga Masculina

Da Redação
01/05/2022 às 13:07.
Atualizado em 01/05/2022 às 13:09
 (Sada Cruzeiro/Twitter/Reprodução)

(Sada Cruzeiro/Twitter/Reprodução)

Em uma final digna de dois gigantes do voleibol, o Fiat/Gerdau/Minas mostrou raça e perseverança para vencer o Sada/Cruzeiro neste domingo (1) e forçar o terceiro jogo da série. O time da Rua da Bahia perdia o tie-break, mas conseguiu virar o placar, no ginásio Sabiazinho, e forçar o derradeiro duelo, a ser realizado no próximo dia (8), às 10h.

Após perder o primeiro embate da decisão, por 3 sets a 2, em Betim, os minastenistas ganharam pelo mesmo placar, em Uberlândia, com parciais de 21/25, 25/22, 25/22, 21/25 e 18/16.

O destaque ficou por conta de Leandro Vissotto, com 31 pontos (30 de ataque e um de bloqueio).

O jogo

Com 15 pontos de ataque, contra 11 do Minas, o Cruzeiro fechou a primeira parcial em 25/21.

Os dois sets seguintes foram dos minastenistas e com o mesmo placar de 25/22. No segundo, os erros dos celestes renderam nove pontos ao time da Rua da Bahia. No terceiro, o ataque da equipe comandada por Nery Tambeiro fez a diferença (15 a 12).

A Raposa construiu uma larga vantagem no início da quarta parcial, viu o Minas ensaiar uma reação, mas soube se impor para ganhar por 25 a 21. Novamente, os pontos de ataque foram cruciais (19 contra 11) para o triunfo dos celestes. 

No tie-break, os minastenisas estavam atrás do placar, conseguiram a virada e venceram por 18 a 16. O Sada ainda pediu um desafio no último ponto, porém, não adiantou. Deu Minas no segundo confronto. E que venha mais um grande jogo no próximo domingo! 

Leia mais:

  

Compartilhar
Ediminas S/A Jornal Hoje em Dia.© Copyright 2022Todos os direitos reservados.
Distribuído por
Publicado no
Desenvolvido por