Uma disputa à parte entre dois jogadores brasileiros será um dos ingredientes especiais do tão aguardado clássico entre Real Madrid e Atlético de Madrid, pela final da Liga dos Campeões. O duelo será disputado hoje, às 15h45 (de Brasília), no estádio San Siro, em Milão.

Além do título da principal competição interclubes do planeta, os laterais-esquerdos Marcelo e Filipe Luís também disputam a preferência do torcedor e a confiança do técnico Dunga na Seleção. Os dois também estavam em campo na decisão da temporada 2013/14, vencida pelo Real.

Considerado um dos melhores do mundo na posição, Marcelo não tem sido convocado, talvez por ter características muito ofensivas e capacidade menor de colaborar quando o time está se defendendo.

E é exatamente esse o diferencial de Filipe Luís, bastante adaptado ao estilo de jogo europeu, em que o apoio dos laterais ao ataque fica em segundo plano. A disciplina tática e as estatísticas defensivas o credenciam como titular na Copa América Centenário, disputada no mês que vem, nos Estados Unidos.

Além deles, outro brasileiro também está escalado para a grande final da Champions. Apesar de menos exaltado que os compatriotas, Casemiro se tornou peça fundamental no meio-campo do Real, ao lado de Kroos e Modric, desde que Zidane assumiu o comando da equipe.

Comandantes
Por falar no ex-jogador e agora técnico do Real, o duelo de treinadores também chama atenção. Substituto de Rafa Benítez no meio da temporada, Zidane deu padrão de jogo ao Real. Com um meio-campo que trabalha a posse de bola e um ataque fulminante liderado por Bale e Cristiano Ronaldo, o treinador busca o 11º título da equipe na torneio europeu.

De quebra, o Real ultrapassaria o Barcelona e se tornaria o clube mais bem-sucedido no atual formato da Liga dos Campeões – os dois gigantes venceram a competição quatro vezes desde a reforma, na temporada de 1992/93.

No quesito tática, contudo, poucos treinadores se comparam a Diego Simeone. Em busca do primeiro título continental do Atlético, o argentino “faz mágica” com um time mais limitado tecnicamente, e sempre arruma uma maneira de explorar os pontos fracos dos adversários, mesmo que, para isso, assuma uma postura defensiva e aposte nos contra-ataques rápidos, puxados principalmente por Griezmann.

Ficha do jogo
Real Madrid x Atlético de Madrid

Real Madrid

Navas; Carvajal, Pepe, Sergio Ramos e Marcelo; Casemiro, Tony Kroos e Modric; Bale, Benzema e Cristiano Ronaldo.
Técnico: Zinédine Zidane

Atlético de Madrid
Oblak; Juanfran, Godín, Giménez e Filipe Luís; Koke, Gabi, Augusto Fernández e Saul Ñíguez; Griezmann e Fernando Torres.
Técnico: Diego Simeone

Local: San Siro, Milão (ITA)
Horário: 15h45
Arbitragem: Mark Clattenburg, auxiliado por Simon Beck e Jake Collin, todos da Inglaterra
Transmissão: Globo, Band e EI MAXX

Leia mais
Zidane diz que recebeu 'profecia' de Ancelotti e confia no 11º título do Real
Simeone faz elogios a Casemiro e Zidane antes de decisão para Atlético de Madrid