Campeões em Cincinnati, no domingo, o russo Daniil Medvedev e a norte-americana Madison Keys foram os destaques dos rankings da ATP e da WTA na atualização desta segunda-feira. Medvedev alcançou a melhor posição de sua carreira (5ª), enquanto Keys voltou ao Top 10, às vésperas do US Open, que terá início na próxima segunda, dia 26.

Medvedev, cuja melhor posição da carreira era a 8ª, subiu três colocações ao obter grande campanha em Cincinnati. Em seu caminho ao primeiro título de nível Masters 1000, ele deixou para trás rivais como o sérvio Novak Djokovic. O tenista russo está agora a menos de mil pontos do austríaco Dominic Thiem, quarto colocado.

Ambos, porém, seguem distantes do trio formado por Djokovic, pelo espanhol Rafael Nadal e pelo suíço Roger Federer. A queda na semifinal não afetou a boa vantagem do sérvio na ponta. Nadal e Federer poderão trocar de posições no quarto e último Grand Slam da temporada, em Nova York.

Em outras duas mudanças no Top 10, o japonês Kei Nishikori e o grego Stefanos Tsitsipas perderam duas e uma posição, respectivamente. O tenista asiático caiu para o sétimo posto, enquanto o grego figura agora em oitavo. O alemão Alexander Zverev segue na sexta colocação.

Já o espanhol Roberto Bautista Agut despontou na restrita lista dos dez melhores do mundo pela primeira vez nesta segunda, aos 31 anos. Outros destaques foram o experiente francês Richard Gasquet e o jovem russo Andrey Rublev. O primeiro, de 34 anos, ganhou 22 posições e subiu para 34º. Rublev, de 21 anos, subiu 23, figurando agora em 47º.

Na lista atualizada nesta segunda, o Brasil voltou a contar com um integrante no Top 100. Isso porque Thiago Monteiro ganhou dois postos e ocupa agora justamente o 100º lugar. Também subiram Rogério Dutra Silva (200º), Thomaz Bellucci (254º) e Thiago Wild (342º), quatro, nove e 31 posições, respectivamente. João Menezes estacionou no 210º posto, o melhor de sua carreira até agora.

FEMININO - A principal mudança no Top 10 foi o retorno de Madison Keys, que galgou oito colocações para figurar no décimo posto. Como de costume, a norte-americana vem exibindo grande tênis na série de torneios que precede o US Open, onde foi vice-campeã em 2017. Com a ascensão de Keys, a compatriota Sloane Stephens caiu para o 11º lugar.

Ainda dentro da lista das dez melhores, a ucraniana Elina Svitolina subiu duas posições, para o quinto lugar. E a holandesa Kiki Bertens perdeu duas colocações. Agora é a sétima colocada. A japonesa Naomi Osaka segue na ponta, seguida de perto pela australiana Ashleigh Barty e pela checa Karolina Pliskova.

Outro destaque da atualização desta semana foi a veterana russa Svetlana Kuznetsova. A grande campanha em Cincinnati, onde terminou com o vice-campeonato, rendeu à tenista de 34 anos 91 posições no ranking da WTA. Agora ela é a 62ª colocada.

Entre as brasileiras, Beatriz Haddad Maia perdeu quatro posições, mas segue dentro do Top 100. Afastada provisoriamente das quadras por conta de doping, a número 1 do País ocupa o 99º do ranking feminino.


Confira abaixo as listas dos 20 melhores de cada ranking:

1.º - Novak Djokovic (SER), 11.685 pontos
2.º - Rafael Nadal (ESP), 7.945
3.º - Roger Federer (SUI), 6.950
4.º - Dominic Thiem (AUT), 4.925
5.º - Daniil Medvedev (RUS), 4.195
6.º - Alexander Zverev (ALE), 4.005
7.º - Kei Nishikori (JAP), 4.005
8.º - Stefanos Tsitsipas (GRE), 3.455
9.º - Karen Khachanov (RUS), 2.890
10.º - Roberto Bautista (ESP), 2.575
11.º - Fabio Fognini (ITA), 2.510
12.º - Borna Coric (CRO), 2.160
13.º - Gael Monfils (FRA), 2.140
14.º - John Isner (EUA), 2.075
15.º - David Goffin (BEL), 2.055
16.º - Juan Martín del Potro (ARG), 2.050
17.º - Kevin Anderson (AFS), 2.050
18.º - Nikoloz Basilashvili (GEO), 1.985
19.º - Felix Auger-Aliassime (CAN), 1.750
20.º - Guido Pella (ARG), 1.735
100.º - Thiago Monteiro (BRA), 532
200.º - Rogério Dutra Silva (BRA), 241
210.º - João Menezes (BRA), 233
254.º - Thomaz Bellucci (BRA), 172
342.º - Thiago Wild (BRA), 113


1.º - Naomi Osaka (JAP), 6.606 pontos
2.º - Ashleigh Barty (AUS), 6.501
3.º - Karolina Pliskova (RCH), 6.315
4.º - Simona Halep (ROM), 4.743
5.º - Elina Svitolina (UCR), 4.492
6.º - Petra Kvitova (RCH), 4.485
7.º - Kiki Bertens (HOL), 4.325
8.º - Serena Williams (EUA), 3.935
9.º - Aryna Sabalenka (BIE), 3.320
10.º - Madison Keys (EUA), 3.267
11.º - Sloane Stephens (EUA), 3.189
12.º - Anastasija Sevastova (LET), 3.167
13.º - Belinda Bencic (SUI), 3.008
14.º - Angelique Kerber (ALE), 2.870
15.º - Bianca Andreescu (CAN), 2.837
16.º - Johanna Konta (ING), 2.695
17.º - Marketa Vondrousova (RCH), 2.651
18.º - Qiang Wang (CHN), 2.593
19.º - Caroline Wozniacki (DIN), 2.537
20.º - Sofia Kenin (EUA), 2.460
99.º - Beatriz Haddad Maia (BRA), 629
241.º - Gabriela Cé (BRA), 242
360.º - Paula Cristina Gonçalves (BRA), 127
365.º - Carolina Alves Meligeni (BRA), 122


Leia mais:
Djokovic arrasa norte-americano e enfrenta Medvedev nas quartas de Montecarlo
Após vice, Rogerinho sobe 30 posições na ATP e volta a ser número 2 do Brasil
Após título, Djokovic mantém larga vantagem na ponta da ATP; Halep vira número 4