Na luta para se afastar do Z-4 do Campeonato Brasileiro, o Cruzeiro pode decretar o primeiro clube rebaixado nesta competição.

Caso vença ou empate com o Avaí, na próxima segunda-feira (18), às 20h, no Mineirão, pela 33ª rodada do torneio, a Raposa vai sacramentar matematicamente a queda do time catarinense.

Na lanterna da competição, o Leão da Ilha soma apenas 17 pontos na competição. Se não vencer o Cruzeiro, a equipe comandada pelo técnico Evando não conseguirá mais alcançar o primeiro time fora do Z-4, que hoje é o próprio Cruzeiro, que tem 35 pontos.

Apesar da posição na tabela do rival, o zagueiro Fabrício Bruno pregou respeito ao Avaí, que fez um jogo duro contra o Botafogo, nessa segunda-feira, mesmo sendo derrotado por 2 a 0, no Rio de Janeiro.

“Vamos pegar um adversário que ontem (segunda) impôs dificuldades ao Botafogo. Muita gente acha que por ser o último colocado vai ser jogo fácil, mas Campeonato Brasileiro não tem disso. Eles tiveram chances de empatar e até de virar o jogo. Então, temos que estar atentos, ligados. Temos seis jogos cruciais para nos livrarmos dessa situação o mais rápido possível, e deixar o Cruzeiro em um lugar que eu espero que ele nunca saia”.

No primeiro turno do Brasileirão, a Raposa empatou em 2 a 2 com o Avaí, na Ressacada, no dia 11 de agosto, pela 14ª rodada do torneio.

Mais importante do que decretar o rebaixamento do rival, a Raposa precisa de um triunfo no Mineirão para não correr o o risco de voltar para o Z-4. 

Avaí x Cruzeiro