lionel messi barcelona

Maior jogador da história do Barcelona, Messi deixa o clube

Um dos casamentos mais inesquecíveis da história do futebol chegou ao fim. Lionel Messi deixou o Barcelona nesta quinta-feira (5). A informação foi confirmada pelo próprio time catalão, por meio de seu site oficial, nesta tarde.

Messi e Barça chegaram a acertar uma renovação por cinco temporadas, mas problemas com o acordo do clube azul-grená com La Liga, pelas novas normas financeiras da liga, impossibilitaram a permanência do craque na Catalunha. Os Blaugranas não conseguiriam fechar as contas dentro do Fair Play Financeiro para registrar Messi sem o acordo com La Liga.

"Apesar de ter chegado a um acordo entre FC Barcelona e Leo Messi e com a clara intenção de ambas as partes de assinarem hoje um novo contrato, este não pode ser formalizado devido a obstáculos econômicos e estruturais (regulamento espanhol de LaLiga).

Com essa situação, Lionel Messi não continuará ligado ao FC Barcelona. As duas partes lamentam profundamente que finalmente não se possam cumprir os desejos tanto do jogador quanto do clube.

O Barça quer agradecer de todo coração ao jogador pelo engrandecimento da instituição e deseja-lhe o melhor na sua vida pessoal e profissional", afirma o Barcelona, em nota oficial.

Um dos maiores jogadores da história do futebol, eleito seis vezes o melhor do mundo, Messi defendia o time principal do Barcelona desde a temporada 2004/05. Maior jogador do Barça em todos os tempos, o argentino é o artilheiro (672 gols) e atleta com mais partidas disputadas pelo clube (778 jogos) na história.

Entre vários momentos inesquecíveis, golaços espetaculares, lances absurdos e verdadeiras obras de arte feitas com os pés em dribles e jogadas mágicas, Messi conquistou 34 títulos pelos Blaugranas: quatro canecos da Uefa Champions League, 10 de La Liga, sete da Copa del Rey, sete Supercopas da Espanha, três Supercopas da Europa e três Mundiais de Clubes.

O futuro do craque ainda é desconhecido. Messi ainda não se pronunciou sobre sua saída do Barcelona. Ele tem sido especulado no Paris Saint-Germain e no Manchester City.