Cruzeiro e América iniciam neste domingo (2) a sexta semifinal de Campeonato Mineiro entre eles desde 2004, quando a fórmula atual de disputa passou a ser adotada na competição. E nos cinco confrontos anteriores, apesar de não ter registrado nenhuma goleada, o jogo de ida foi fundamental para a decisão da vaga.

Essa história começa em 2004, quando o Coelho tinha a vantagem de dois empates ou vitória e derrota pela mesma diferença de gols, mas perdeu a primeira partida por 2 a 1, entrou na segunda obrigado a vencer e acabou goleado por 4 a 1.

América Cruzeiro semifinal Campeonato Mineiro 2019O jogo de ida das semifinais do Estadual entre Cruzeiro e América sempre foram decisivos para apontar o vencedor do confronto

Os outros quatro mata-matas pelas semifinais do Estadual foram na década passada e cada lado levou a melhor em duas oportunidades. Em 2012, o dono da melhor campanha na fase classificatória era o Cruzeiro, mas no primeiro jogo o América mudou a história do confronto fazendo 3 a 2, num jogo em que chegou a abrir 3 a 0, mas permitiu a reação do rival no final. De toda forma, a vaga americana foi assegurada com outra vitória, por 2 a 1, na volta.

Título

A última decisão de Campeonato Mineiro do Coelho, em 2016, quando o clube conquistou o título em cima do Atlético, teve um confronto com a Raposa antes. Com campanha pior na primeira fase, o América fez valer o mando de campo na primeira partida e venceu por 2 a 0, A vaga na final foi garantida com um 0 a 0 no Mineirão.

No ano seguinte, os dois rivais voltaram a se enfrentar. O Cruzeiro manteve sua vantagem empatando por 1 a 1 a ida, no Independência, e voltou à final do Estadual depois de dois anos de ausência ganhando por 2 a 0, no Mineirão.

Em 2019, a Raposa encaminhou a vaga no Horto, fazendo 3 a 2 com um hat-trick de Fred. Na volta, goleou por 3 a 0 no Gigante da Pampulha.