Contratado junto ao Cuiabá, o meio-campista Matheus Barbosa aos poucos vai se sentindo em casa na Toca da Raposa. Uma das apostas para qualificar o elenco do Cruzeiro, o jogador fez a estreia no último fim de semana, quando os celestes arrancaram um empate, já no apagar das luzes, contra o Uberlândia, no Triângulo.

Titular do técnico Felipe Conceição, Barbosa tem desempenhado uma função diferente em Minas. Se no Cuiabá ele atuava mais como segundo volante, no Cruzeiro ele tem mais liberdade para criar jogadas e subir ao ataque. Perguntado se gostou do desafio, ele não se esquivou.

“Estou gostando de atuar nesta função. Ele pede para jogar sempre entrelinhas, pisando na área. Particularmente, tem agregado bastante na forma de jogar. Espero que possa assimilar 100% o mais rápido possível para ajudar o Cruzeiro”, destaca Matheus.

Sobre a partida contra a Caldense, marcada para às 21h30 desta quarta-feira (3), o armador não esconde a ansiedade de fazer o primeiro jogo em casa com a camisa do novo clube. Mostrar ao torcedor que este novo grupo dará alegrias em 2021, também faz parte do roteiro.

"Acredito que o sentimento do torcedor (em relação ao primeiro jogo do Cruzeiro na temporada) é que ele viu um grupo que joga para frente, um time que está sempre buscando a vitória, não se entrega, tanto é que a gente conseguiu o empate", pontua Barbosa.

"Temos que fazer o que fizemos no primeiro jogo do Mineiro. Buscar o gol a todo o momento, com bastante intensidade, tem muitos jogadores novos chegando. É uma nova história que está sendo feito. Acredito que neste ano, a gente se dedicando a cada treino, a cada jogo, a gente vai conquistar muitas vitórias, tanto como mandante quanto visitante, e automaticamente melhorando o nosso retrospecto como visitante", finaliza.