No futebol americano, a expressão “moving the chains” (movendo as correntes) é utilizada a cada vez que uma equipe conquista a primeira descida – um avanço de 10 jardas. Foi a inspiração para o projeto criado pelos fundadores da produtora de vídeos norte-americana Podyum. A ideia do grupo é viajar pelo mundo produzindo documentários mostrando como o esporte é praticado em diversos países.

Após gravarem os primeiros dez episódios da série “Moving the Chains” na Europa (França, Áustria, Espanha, Inglaterra e Itália, entre outros países), a equipe formada por Will Powell, Joseph Kirkwood, Mark Lassise e o carioca Pedro Paiva chegou na noite da última quarta-feira a Belo Horizonte, onde dará início a uma nova sequência de filmes, gravados no Brasil.

Um dos curtas será produzido na final do Campeonato Mineiro de Futebol Americano, disputada entre Minas Locomotiva e Get Eagles, amanhã, às 18h, no estádio Mineirão.

“O que é mais elogiável por aqui é a paixão que os brasileiros têm pelo futebol americano. Dos países que fomos, talvez o Brasil seja o que tenha o maior potencial”

“Vamos filmar três episódios no Brasil. O primeiro é sobre o Minas Bowl. Depois, vamos para São Paulo fazer a semifinal do Campeonato Paulista e, por fim, vamos a Cuiabá (MT), para a abertura da Superliga Nacional, no dia 9 de julho, na partida entre Cuiabá Arsenal e Corinthians Steamrollers”, explica o produtor Mark Lassise.

Moving the chains, documentário de Futebol Americano, Final Mineiro, Futebol AmericanoWill Powell, Mark Lassise, Joseph Kirkwood,e o carioca Pedro Paiva acompanharam o último treino do Minas Locomotiva antes da partida, para captar imagens e realizar algumas entrevistas com os jogadores.

 

A partida – que promete levar mais de 15 mil torcedores ao Gigante da Pampulha – será eternizada em um documentário que poderá ser assistido futuramente na página da Podyum no Youtube.

Paixão e talento
Apesar de terem viajado por toda a Europa, onde o esporte já está em desenvolvimento há algumas décadas, os americanos estão impressionados com o rápido crescimento da modalidade entre os brasileiros.

“Se pensarmos que há oito anos não existia nenhum time Full Pads (equipamento completo) aqui no Brasil, e, hoje, já temos uma liga nacional nos moldes da NFL, isso é impressionante”, avalia Mark.

De acordo com o produtor, apesar de o Brasil ter anos de prática a menos que vários outros países, a paixão com que a modalidade é praticada por aqui chama a atenção.

“O que é mais elogiável por aqui é a paixão que os brasileiros têm pelo futebol americano. Dos países que fomos, talvez o Brasil seja o que tenha o maior potencial”, conclui.

Leia mais
Final do Mineiro de Futebol Americano terá show de rock no intervalo
Duelo de cheerleaders promete animar a final do Mineiro de Futebol Americano no Mineirão
Saiba onde comprar seu ingresso para a...
Conheça os detalhes da final do Mineiro de Futebol Americano no Mineirão
Mineirão receberá a final do Campeonato Mineiro de Futebol Americano
Mineirão abre as portas e pode receber a Final do Mineiro de Futebol Americano
Entenda como será o formato de disputa...
Minas Locomotiva e Get Eagles farão a final do Mineiro de Futebol Americano
Veja os videos dos bastidores da histó...
Minas Locomotiva 34 x 24 Get Eagles,...