Cruzeiro e Atlético têm grandes desafios na 27ª rodada da Série A do Campeonato Brasileiro, que começa a ser disputada neste sábado. Além de enfrentarem clubes que integram o G-4 da competição (grupo que garante vaga direta à fase de grupos da Copa Libertadores do ano que vem), eles ainda tentarão superar longas escritas.

Cruzeiro e Atlético

Digite aqui a legenda


O primeiro a entrar em campo será o Cruzeiro, que encara o quarto colocado Corinthians, neste sábado, às 19h, na Arena Corinthians, em São Paulo.
O time de Abel Braga tenta encerrar a escrita de 25 partidas sem vitória no Brasileirão, jogando fora de Belo Horizonte, numa história que começou na edição do ano passado.

Para alcançar este objetivo, a Raposa, que vem de vitória por 1 a 0 sobre o São Paulo, na última quarta-feira, no Mineirão, precisará do seu segundo triunfo seguido na competição, algo que não alcança desde o início de maio, quando fez 1 a 0 no Ceará, no dia 1º, e 2 a 1 no Goiás, quatro dias depois. 

As duas partidas, válidas pela segunda e terceira rodadas, ainda no início do Campeonato Brasileiro, foram disputadas no Gigante da Pampulha.


Atlético

No caso do Atlético, que já foi líder, integrou o G-4, depois o G-6 e agora ocupa a 12ª colocação na Série A, o desafio é passar duas partidas seguidas da competição nacional sem ser derrotado, já que o time de Vágner Mancini vem de empate por 2 a 2 com o CSA, na última quarta-feira, no Rei Pelé, em Maceió, no jogo que marcou a estreia do novo treinador alvinegro.

O Galo entra em campo neste domingo, quando recebe o Santos, que é terceiro colocado, às 16h, no Estádio Independência.

O Atlético não passa dois jogos seguidos, pelo Brasileirão, sem derrota, desde o início de agosto, ou seja, há dois meses e meio.
Em 10 de agosto, os 2 a 1 sobre o Fluminense, pela 14ª rodada, decretaram o sexto jogo consecutivo do time, então comandado por Rodrigo Santana, sem derrota.

Com o resultado, o Galo manteve a quarta colocação, atrás apenas de Santos, que era o líder, Flamengo, o vice, e Palmeiras, terceiro colocado.

Os três seguem lá em cima, no topo da tabela de classificação do Campeonato Brasileiro, mas sem a companhia do Atlético, que despencou.

arte

Digite aqui a legenda