Derrotado por 2 a 1 no jogo de ida da semifinal do Campeonato Mineiro, nesse domingo (2), no Mineirão, o Cruzeiro teve ao menos uma notícia positiva no confronto.

Todos os jogadores pendurados com dois cartões amarelos que entraram em campo no Gigante da Pampulha passaram ilesos, e estão aptos a atuar na segunda partida do confronto, no próximo domingo, no Independência.

Airton, Ramon, Raúl Cáceres e William Pottker, Alan Ruschel e Marcelo Moreno estão ameaçados de suspensão pelo acúmulo de cartões. Da lista, apenas os dois últimos não foram acionados pelo técnico Felipe Conceição na primeira partida da semi. 

O único jogador do time celeste advertido no confronto foi o volante Jadson, que não estava pendurado.

Sem suspensão por motivo disciplinar, o comandante da Raposa poderá mandar a campo o que tem de melhor para tentar reverter a vantagem do Coelho.

Adriano

No momento, a única incerteza para o duelo de domingo é a presença do volante Adriano.

Com dores no pé direito, o camisa 15 foi substituído aos 29 minutos do segundo tempo por Jadson, deixando o gramado do Gigante da Pampulha mancando.

O meio-campista será reavalido pelo departamento médico na reapresentação do time, marcada para a manhã desta terça.

Outras peças que seguem de fora são o zagueiro Léo e o volante Henrique, ainda no departamento médico.

Já o volante Ariel Cabral, em trabalho de preparação física, também não deve ser aproveitado nos próximos jogos.

Nenhum dos três foi utilizado nesta temporada.

Como teve campanha inferior à do América na fase de classificação do Campeonato Mineiro, o Cruzeiro precisa vencer a segunda partida do confronto por pelo menos dois gols de diferença para avançar à final do Estadual.