Próximo rival do Cruzeiro no Campeonato Brasileiro da Série B, nesta quinta-feira (28), às 21h30, no Independência, o Remo vive fase ruim na competição.

Na 13ª colocação, com 38 pontos, o time paraense vem de três derrotas seguidas no torneio, para Vila Nova, Brusque e Ponte Preta, respectivamente.

Ilustrando ainda mais o momento conturbado do Azulino em campo, a última vitória ocorreu há mais de um mês, em 24 de outubro, quando bateu o Náutico por 1 a 0, no Baenão, pela 26ª rodada.

Antes dos três reveses consecutivos, o Remo empatou com Sampaio Corrêa e Coritiba, dando início à série de cinco jogos sem vencer na Segunda Divisão.

A queda de rendimento fez com que o Azulino perdesse quatro posições no período, aparecendo logo atrás da Raposa, que soma um ponto a mais na classificação.

Assim como o time celeste, a equipe paraense também deve ter poucas ambições na tabela nesta reta final de Série B.

De acordo com o site Probabilidades no Futebol, desenvolvido pelo Departamento de Matemática da UFMG, o Remo tem 9,2% de risco de rebaixamento e 0,008% de chances de acesso.

Em relação ao Cruzeiro, os percentuais para as duas situações são de 2,8% e 0,013% respectivamente.

Lance de Remo 1 x 0 Cruzeiro, pela Série B 2021

No duelo do primeiro turno, o Remo venceu o Cruzeiro por 1 a 0, no estádio Baenão, em Belém 

Velho conhecido

O confronto desta quinta vai marcar um novo encontro do técnico Felipe Conceição com o Cruzeiro.

Conceição dirigiu o time celeste de janeiro a junho desta temporada, e foi demitido após a eliminação para a Juazeirense-BA, pela terceira fase da Copa do Brasil.

No reencontro entre as partes, Conceição levou a melhor, vencendo por 1 a 0, o confronto disputado no dia 20 de julho, pela 13ª rodada da Segunda Divisão.

Leia mais
Em novo reencontro, Cruzeiro tenta primeira vitória sobre ex-treinadores na Série B
Próximo adversário é derrotado, e Cruzeiro termina a rodada em 12° lugar na Série B
Cruzeiro e América empatam no primeiro jogo da final do Campeonato Mineiro Sub-20