As equipes mineiras continuam soberanas na Superliga Feminina de Vôlei. No encerramento da nona rodada, a última do ano, Praia Clube e Minas venceram duelos diretos na parte de cima da tabela, e se mantiveram com 100% de aproveitamento na classificação.

Atual campeão, o Praia Clube foi a Osasco, e venceu as donas da casa por 3 sets a 0, com parciais de 23/25, 21/25 e 21/25, e chegaram a oitava vitória, em oitos jogos no torneio. Com o resultado o time de Uberlândia chegou aos 23 pontos, e se manteve na liderança isolada da Superliga.

Praia Clube

Na cola do Praia está o Minas, que, jogando em casa, venceu o Sesc-RJ, de virada, por 3 sets a 2, parciais de 26/28, 25/11, 25/22, 14/25 e 15/13, e chegou ao sétimo triunfo, em sete jogos na competição.

A partida foi a reedição da final do Campeonato Sul-Americano de clubes, disputado em fevereiro. Na ocasião, as mineiras também levaram a melhor sobre o time comandando pelo técnico Bernardinho, e conquistou o direito de disputar o Campeonato Mundial, disputado na China, no início do mês, em que alcançou o vice-campeonato.

Com a vitória sobre o time carioca, o Minas alcançou os 20 pontos, e ocupa a segunda colocação na tabela, com um jogo a menos que o Praia.

O tira-teima entre as duas equipes ocorre justamente na primeira rodada da Superliga após as festas de fim de ano.

No dia 4 de janeiro, as equipes se enfrentam no Triângulo Mineiro, em um duelo que vale a ponta da classificação.