Preocupado com a situação crítica em que se encontra a Venezuela, país que atravessa uma grave crise política, o Atlético enviou há alguns dias um ofício para CBF e Conmebol, já que no dia 7 de maio terá compromisso contra o Zamora, pela 6ª rodada do Grupo E da Copa Libertadores.

A turbulência vivida na Venezuela afeta toda a sociedade local e, como não poderia ser diferente, os problemas que assolam o país atingem diretamente o futebol. Tanto que o Deportivo Lara, adversário do rival Cruzeiro, não conseguiu voo para o duelo em Belo Horizonte; o confronto, inclusive, foi adiado por duas vezes nesta semana.

O caos energético vivido no país, que passa por um blecaute no setor, atrapalha o andamento, inclusive, das atividades aeroportuárias de cidades importantes, e isso atinge diretamente o calendário esportivo. Cabe lembrar que, na capital mineira, o Galo tem jogo marcado com o mesmo Zamora no dia 3 de abril.