Henrique, Cruzeiro

O presidente do Cruzeiro Sérgio Santos Rodrigues atualizou nesta sexta-feira (3) a condição médica do volante Henrique, que sofreu acidente automobilístico e precisou ficar internado durante quase três dias. O jogador recebeu alta hospitalar no começo desta semana. 

"A gente tem estado do lado do Henrique o tempo todo, a torcida abraçou o Henrique com a hashtag 'forçaHenrique'. A gente recebeu muitas mensagens. Por isso, eu tinha certeza que ele seria abraçado. Todo mundo sabe do caráter e da dedicação que o Henrique tem. E o Cruzeiro ficou do lado dele o tempo todo. Ainda na sexta-feira, no dia do acidente, o nosso gerente Pedro Moreira dormiu no hospital com o Henrique. Os nossos médicos deram toda assessoria para ele. Eu tenho falado com o Henrique constantemente por telefone", comentou durante live na Toca II.

Henrique caiu em um penhasco de 200 metros de altura no começo da noite da última sexta-feira. Seu carro, um modelo Land Rover, despencou no Mirante do Jatobá, que fica na estrada para Casa Branca, distrito de Brumadinho, cidade da Região Metropolitana de Belo Horizonte.

O jogador precisou ser resgatado pelo Corpo de Bombeiros, que usou metodologia de rapel para acessar o local onde estava o carro. Henrique foi levado ao hospital, ficou internado da noite de sexta até a manhã de segunda, e seus exames não apontaram graves lesões ortopédicas ou neurológicas, apenas escoriações. 

"Pode ter certeza que nós estamos cuidando do Henrique e pedindo para que vocês continuem fazendo suas orientações, que vocês continuem mandando mensagens positivas, podem ter certeza que isso chega nele e ele fica emocionado. A gente pode dizer com tranquilidade que ele não se machucou, que ele não teve nada. Isso é o mais importante. Vamos continuar abraçando, porque ele merece", disse Sérgio Santos Rodrigues.