Em meio aos vários pedidos de dispensa que tiraram convocadas pelo técnico Zé Roberto Guimarães da Seleção Brasileira feminina de vôlei, uma campeã da Superliga pelo Itambé Minas acabou obrigada a deixar a preparação para Liga das Nações, em Saquarema (RJ), com uma condição que inspira cuidados. De acordo com o site Webvolei, a oposta Bruna Honório teve detectada, durante os exames de rotina conduzidos pela comissão técnica, uma condição cardíaca que exigirá análise mais detalhada e possivelmente uma cirurgia.

Um dos destaques do Minas ao lado de Gabi e Natália e confirmada no grupo que buscará o bicampeonato da Superliga na temporada 2019/2020, a paulista de 29 anos havia se apresentado com o restante do grupo na segunda-feira e, no melhor momento da carreira, vivia a expectativa de assumir papel de protagonista com a camisa da Seleção.