Garantir a vaga na fase de grupos da Libertadores já não é mais objetivo secundário para o Atlético. Apesar de ainda ter pequenas chances matemáticas de título, o alvinegro terá desafio importante na 35ª rodada do Campeonato Brasileiro. Nesta quarta-feira (10), o confronto será contra o Fluminense, no Maracanã.

Sem o atacante Keno, ainda se recuperando de lesão no cotovelo, o volante Jair, suspenso pelo terceiro cartão amarelo, e o meia Zaracho, ainda sem condições físicas, o técnico Jorge Sampaoli relacionou 23 jogadores para encarar o terceiro melhor mandante da competição mais importante do país.

Com 60 pontos, seis a menos que o líder Internacional, o Atlético é apenas o 12º melhor visitante da Série A. Superar esta limitação quando atua fora de casa, neste momento de reta final, é obrigação para os mineiros.

Fluminense na cola

Atualmente na quinta colocação, o Fluminense tem quatro pontos a menos que o Atlético e, forte em seus domínios, também quer a vitória para se aproximar da fase de grupos da Libertadores.

Sem poder contar apenas com Paulo Henrique Ganso, e provavelmente com Wellington Silva, de saída, o técnico Marcão terá praticamente força máxima para desbancar o Galo de Sampaoli.

Ficha do jogo:
Fluminense x Atlético
Motivo: 34ª rodada do Campeonato Brasileiro
Data: 10 de fevereiro (quarta-feira)
Horário: 21h30
Local: Maracanã
Arbitragem: Luiz Flávio de Oliveira, auxiliado por Danilo Ricardo Manis e Miguei Ribeiro da Costa. VAR: Rodrigo Guarizo Ferreira; todos de São Paulo 

Fluminense: Marcos Felipe; Calegari, Nino, Yuri (Luccas Claro) e Egídio; Yago, Martinelli e Nenê; Luiz Henrique, Lucca e Fred.

Atlético: Everson; Guga, Réver, Junior Alonso e Guilherme Arana; Allan, Nathan, Hyoran; Savarino, Vargas e Sasha (Marrony).

Transmissão: Globo e Première