Em um confronto que interessa e muito ao Atlético (4° colocado), ao Flamengo (3°) e ao Internacional (1°), o São Paulo recebe o Coritiba neste sábado (23), às 19h, no Morumbi. O jogo abre a 32ª rodada do Campeonato Brasileiro, e o Tricolor poderá dormir na liderança ou abrir possibilidade de perder a vice-liderança para o Galo ou o Urubu. (Veja prováveis escalações mais abaixo) 

Vindo de quatro partidas consecutivas sem vencer, incluindo a humilhante goleada por 5 a 1 em casa para o Colorado, que o tirou da ponta da competição, o São Paulo vive um cenário de crise.

O técnico Fernando Diniz permanece na equipe, “prestigiado” por diretoria e jogadores do elenco, como Daniel Alves, mas um revés neste sábado pode representar sua saída do clube.

Com 57 pontos, dois a menos que o Inter, o time paulista terá o retorno do zagueiro Arboleda, que cumpriu suspensão. Igor Gomes e Tchê Tchê brigariam por uma vaga no meio-campo.

São Paulo

Fernando Diniz ganha nova chance pelo São Paulo neste sábado

Coritiba

Já a crise do Coritiba tem outro sentido. O Coxa, em 18° lugar, com 26 pontos, continua sua saga contra o rebaixamento. O time não perde há três jogos, mas angariou apenas um triunfo nesse período.

O alviverde não terá o zagueiro Sabino, com Covid-19, e o atacante Robson, expulso diante do Fluminense, para a partida no Morumbi.

O técnico Gustavo Morínigo, também com Covid-19, segue fora; Júlio Sérgio vai dirigir a equipe. 

SÃO PAULO X CORITIBA
Motivo:
32ª rodada do Campeonato Brasileiro
Data: 23/1/2021 (sábado)
Horário: 19h
Estádio: Morumbi
Cidade: São Paulo (SP)
Arbitragem: Rodrigo Dalonso Ferreira, auxiliado por Alex dos Santos e Thiaggo Americano Labes, todos catarinenses
VAR: Emerson de Almeida Ferreira (MG)
Transmissão: Premiere

SÃO PAULO
Tiago Volpi; Juanfran, Arboleda, Bruno Alves e Reinaldo; Luan, Tchê Tchê (Igor Gomes), Gabriel Sara e Dani Alves; Brenner e Luciano
Técnico: Fernando Diniz

CORITIBA
Wilson, Natanael, Nathan Ribeiro, Henrique Vermudt e Guilherme Biro; Hugo Moura, Nathan Silva, Matheus Bueno e Luiz Henrique; Pablo Thomaz (Rafinha) e Neilton
Técnico: Júlio Sérgio