Acionado pelo Cruzeiro para assumir a diretoria de futebol após a demissão de Ocimar Bolicenho, o experiente Ricardo Drubscky aproveita o período de paralisação do futebol brasileiro para acertar os ponteiros e fortalecer o Cruzeiro para a disputa da Série B do Campeonato Brasileiro, principal competição para a Raposa na temporada. Ele, inclusive, segue sendo o "homem-forte" também das categorias de base.

Apesar de estar viva no Estadual e também na Copa do Brasil, não é mistério para ninguém que o grande objetivo em 2020 é o retorno à elite nacional. Assim, como ele, o técnico Enderson Moreira chega com a missão de recolocar o grupo celeste nos trilhos. A dupla, inclusive, mantém contato diário.

"Estamos conectados constantemente. Conversamos com a comissão técnica e o Enderson. Assim como outros setores do clube e agentes fora do contexto do Cruzeiro. Infelizmente estamos impedidos de estar com nossa equipe em movimento e com os campeonatos em andamento. Mas, dentro do possível, estamos bastante ativos. Já fizemos reuniões por videoconferência para falar de elenco e outros assuntos e acompanhando a preparação dos atletas", contou Drubscky ao programa Os Donos da Bola.

"Tive a oportunidade de ver quase tudo o que o Cruzeiro apresentou nesta temporada. Acompanhei um pouco do trabalho que estava sendo feito. Temos uma fotografia básica daquilo que pode ser feito. O Enderson também já tem acesso a quatro vídeos de jogos importantes que fizemos. Ele conhece bem o mercado brasileiro e, como temos a intenção de contratar dois ou três jogadores, chegamos a um acordo, junto com o Conselho Gestor, de que o Enderson participe diretamente desta escolha, principalmente com atletas com quem já trabalhou. Acredito que vamos concluir esses nomes", acrescentou o dirigente, que garante uma equipe qualificada para alcançar o objetivo.

Sobre a saída de Adilson Batista e a chegada de Moreira, o diretor de futebol do Cruzeiro acredita que a mudança de perfil será algo natural. Contudo, segundo ele, a esperança é de que nasça um Cruzeiro mais forte e mais empolgante para o torcedor.

"Com a mudança de treinador, muda-se muita coisa. Muda a filosofia de jogo, perfil de jogador... Estamos conversando por boas horas sobre tudo isso. O Enderson acha que temos um elenco de qualidade e que vamos tirar bom proveito disso. Vamos recompor nosso trabalho, aproveitando bastante o que temos. Alguns atletas vão voltar para a base para continuar o período de formação, aproveitando nosso técnico (Rogério Micale), que é campeão olímpico", finalizou, deixando claro que ações já estão sendo tomadas.