A final da Copa Libertadores do ano passado será reeditada em uma das semifinais deste ano. O duelo foi confirmado nesta quinta-feira, com a classificação do River Plate diante do Cerro Porteño. Após vencer o jogo de ida por 2 a 0, o time argentino avançou ao empatar por 1 a 1 com o time paraguaio no Estádio General Pablo Rojas, em Assunção.

O Boca assegurou sua vaga na semifinal na quarta ao empatar sem gols com a LDU em La Bombonera. Na ida, vencera por 3 a 0 na altitude de Quito. Agora os dois times argentinos vão se enfrentar em busca da vaga na final, que disputaram no fim do ano passado, em Madri, com título do River. A outra semifinal terá Flamengo e Grêmio.

Na noite desta quinta, o Cerro chegou a sonhar com a classificação ao sair na frente logo aos 8 minutos de jogo. Nelson Haedo cabeceou para as redes na segunda trave e deixou os paraguaios na frente. Mais motivado, o time da casa partiu para cima e tentou impor pressão, enquanto o River apostava nos lançamentos em profundidade, sem sucesso.

Antes do intervalo, o Cerro teve a chance de marcar o segundo gol, com Federico Carrizo. O goleiro Franco Armani fez boa defesa. Mas o sonho dos paraguaios chegou ao fim logo no início do segundo tempo. Aos 7 minutos, Nicolas De la Cruz acertou forte chute da entrada da área e decretou o empate no placar, esfriando a partida.

A igualdade deixou o River mais tranquilo em campo. Mais confiante, a equipe argentina foi para cima e criou boas chances para buscar a virada no marcador. Mas isso não foi necessário. O empate assegurou a classificação dos argentinos para mais uma semifinal.

As datas reservadas para os confrontos já foram definidas pela Conmebol, que ainda não especificou dias e horários de cada confronto. Os duelos de ida vão acontecer nos dias 1º e 2 de outubro e as voltas estão reservadas para 22 e 23 do mesmo mês. A final, em jogo único, será em 23 de novembro, em Santiago, no Chile.


Leia mais: